A LIBERDADE É AMORAL

Local de discussão livre sobre todos os temas sociais.
 
InícioInício  CalendárioCalendário  FAQFAQ  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-seConectar-se  

Compartilhe | 
 

 REVISTA MARIA, E NÃO SÓ - PODEM ACREDITAR...

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3 ... 5, 6, 7 ... 9, 10, 11  Seguinte
AutorMensagem
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: REVISTA MARIA, E NÃO SÓ - PODEM ACREDITAR...   Qua Out 20, 2010 4:54 pm

Como posso ser mais sedutora?...

Caro Dr. Coração:

Gostaria de saber como ser sedutora. Não sei conquistar ninguém com olhar e essas coisas assim, mas sei que quando tô a fim de alguém as pessoas ao meu redor percebem, não sei se é pq dou muita atenção, sei lá. Mas, acho também que as pessoas exageram, confundem as coisas, as vezes nem tou interessada. Mas vai lá: Quais as armas ideais para seduzir alguém? Não digo o grande amor da vida... só algo carnal mesmo.

Euzinha


Cara Euzinha:

Infelizmente, não te vou conseguir ajudar na tua pergunta, pois este é um consultório sentimental. A única coisa que te consigo dizer é que deves ter paciência, pois um dia irás encontrar alguém que goste de ti, tal como tu és agora, e não pelo facto de seres bonita ou sedutora. Se alguém se interessar por ti, por apenas seres sexy ou sedutora, essa pessoa talvez não seja a pessoa certa para ti. Parece-me que estás a ter demasiada pressa para fazer algo de que te poderás arrepender no futuro. Desculpa por não te ajudar mais.

Dr. Coração
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: REVISTA MARIA, E NÃO SÓ - PODEM ACREDITAR...   Qui Out 21, 2010 12:05 pm

Iuri : “Quero pôr um piercing no pénis!”

“Tenho 18 anos e gostaria de pôr um piercing no pénis. Ouvi dizer que isso aumenta o prazer sexual da mulher. Gostaria de saber se é verdade, se o piercing vai interferir na minha capacidade de ter relações”

Caro leitor, se o único objectivo é aumentar o prazer sexual da sua namorada, não o aconselharia a fazê-lo, pois existem muitas outras formas de aumentar o prazer sexual feminino sem que tenha de se mutilar. Colocar um piercing no pénis é um processo bastante delicado e doloroso que pode resultar numa infecção grave. O pénis é um órgão bastante sensível e o piercing fará com que não possa ter relações sexuais durante vários meses até que a ferida cicatrize por completo. Além disso, poderá perder alguma sensibilidade no pénis. O piercing pode perfurar a sua uretra, e um dia que resolva retirá-lo a urina poderá ser libertada por três orifícios em vez de um. Ter um orifício no seu pénis que leva meses a sarar aumenta em muito o risco de apanhar doenças transmitidas sexualmente, como herpes ou VIH. Um piercing mal colocado pode danificar músculos do pénis, causando problemas durante a erecção. Pense bem antes de tomar uma decisão e avalie se os riscos que vai correr compensam o resultado.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: REVISTA MARIA, E NÃO SÓ - PODEM ACREDITAR...   Qui Out 21, 2010 10:07 pm

Ele sai com outra mulher...

Caro Dr. Coração:

Tenho 23 anos e comecei a relacionar-me com um rapaz de 26, Eu nunca tive namorado, porque tinha na altura outros objectivos.
O relacionamento começou muito rápido, ele me pareceu uma pessoa séria, foi muito objectiva e sincera, logo no inicio afirmou ter tido uma relação de namoro que durou 7 anos e resultou no nascimento de um filho que tem agora dois anos( muito recente), ele rompeu com a mãe do menino, não me explicando os motivos, mas deu para ver que ficou muito recentido. Passado um tempo afirma que afinal não é um homem totalmente livre que existe outra pessoa com quem sai a um ano.
Em conversas anteriores eu já havia dito a ele que não partilhava namorado e ele mesmo sabendo disso começou a relação. Disse-me que pediu um tempo na outra moça, que não podia acaber com ela porque não tinha nenhuma desculpa, e eles já estão juntos a um ano.
Ele é uma pessoa extremamente ocupada, estamos juntos a menos de um mês( 3 semanas), e quase só nos falamos por telefone, tivemos 5 encontros e todos a noite.
Tenho dúvidas acerca do futuro desta relação, porque me parece que ele tem muitos assuntos por resolver, casos mal terminados, diz que quer ficar comigo, mas não se define.

Paula, 23 anos


Cara Paula:

Parece-me que tu tens algumas dúvidas sobre o futuro da tua relação, pois ele continua a sair com outra mulher, mesmo estando contigo. Infelizmente, não me parece que tu tenhas um futuro com ele, pois se ele te amasse de verdade, ele estaria disposto a deixar a outra mulher por ti e fazer de tudo para que tu tivesses a certeza de que eras a única mulher da vida dele. Não é esse o caso, até porque ele quase não passa tempo contigo.
Tu tens de seguir em frente com a tua vida e tentar encontrar alguém que te ame de verdade e que só te queria a ti. Tu mereces melhor do que partilhar um homem com a outra mulher. E enquanto tiveres esperança de um dia ele te escolher a ti, irás continuar a sofrer. Tenho a certeza de que existe um homem certo para ti, que queria ter um relação a longo prazo contigo e para quem sejas a única mulher da vida dele. Tu sabes que acabar a relação com ele é a coisa certa a fazer. Espero que sigas o meu conselho.

Dr. Coração
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: REVISTA MARIA, E NÃO SÓ - PODEM ACREDITAR...   Sex Out 22, 2010 2:45 pm

Guilherme : “Ela fica enojada!”

“Gostava de que a minha mulher praticasse sexo oral mas ela raramente o faz, porque diz ficar enojada com o sabor”

Caro leitor, existe uma solução bastante simples para resolver esse problema. Se a razão para a sua esposa não praticar sexo oral é apenas porque não gosta do sabor, então experimente utilizar lubrificantes com sabores. Existem vários no mercado que não danificam os preservativos, podendo escolher entre um variado leque de sabores como banana, morango ou chocolate. Escolha aquele que mais lhe agradar, ou pergunte à sua esposa qual deles ela prefere, e surpreenda-a utilizando-o da próxima vez que fizerem amor. Se quiser, pode também sugerir à sua esposa que o utilize em si, e verá que a sensação é bastante agradável. Desta forma, vai trazer variedade e divertimento à vossa relação.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: REVISTA MARIA, E NÃO SÓ - PODEM ACREDITAR...   Sex Out 22, 2010 9:42 pm

Apaixonei-me pela irmã da minha namorada...

Caro Dr. Coração:

Sou o Pedro, tenho 22 anos e apaixonei-me perdidamente pela irmã da minha namorada, cuja relação já durava ha mais de um ano...como tal, vi-me obrigado a acabar o nosso namoro.
No entanto, nao posso nem quero afastar-me dessa familia uma vez que a rapariga com quem namorei tambem se tornou a minha melhor (senão única)amiga e gosta de mim verdadeiramente, tal como os pais dela que se dao muito bem comigo.
Quanto a irmã, tem namorado e apesar de ja termos curtido algumas vezes ela diz que nao está apaixonada por mim.
No entanto, é a irmã que domina os meus pensamentos...o que me aconselha a fazer em relaçao quer à minha ex, quer à irmã?

Pedro, 22 anos


Caro Pedro:

Muitas vezes, as coisas não correm como nós gostaríamos. Neste caso, tu apaixonaste-te por alguém que não sentia o mesmo por ti, ao memo tempo que tu tinhas alguém que estava apaixonada por ti e por quem tu não sentias o mesmo. Nestas ocasiões, temos de continuar a nossa vida. Tu acabaste por te tornar amigo da tua ex-namorada e acho que assim o deverias continuar. Se ambos se dão bem, então não vejo motivos para te afastar dela. Quanto à irmã dela, deverás esquecê-la. Não é tanto o facto dela ser comprometida que inviabiliza qualquer possibilidade de estares juntos. Será mais o facto dela não estar apaixonada por ti e o facto de tu já teres namorado com a irmã dela. Aí, deverás seguir em frente e tentar encontrar alguém que goste verdadeiramente de ti. Nunca se sabe quando o amor aparece ou renasce do nada. Espero que tudo corra bem contigo.

Dr. Coração
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: REVISTA MARIA, E NÃO SÓ - PODEM ACREDITAR...   Sab Out 23, 2010 12:59 pm

Margarida : “Estou a ficar viciada!”

“Tenho tido uma vontade incontrolável de me masturbar e acho que já estou viciada. Penso nisso constantemente, e assim que chego a casa masturbo-me muitas vezes”

Cara leitora, o acto de se masturbar é algo natural entre homens e mulheres, sendo uma forma de obtenção de satisfação e prazer sexual. A frequência com que se pratica não é uma situação que a deve afectar. Seja qual for a razão do seu receio, deverá ter consciência de que actualmente, e ao contrário do que se pensava anteriormente, a masturbação faz parte e é considerada normal na sexualidade de qualquer indivíduo.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: REVISTA MARIA, E NÃO SÓ - PODEM ACREDITAR...   Sab Out 23, 2010 10:34 pm

Devo perder a virgindade com ele?...

Caro Dr. Coração:

Eu estou curtindo com um rapaz. Eu sei que ele é a pessoa certa e eu queria perder a virgindade com ele só que eu me acho nova. Eu tenho 13 anos e ele 15 mas eu tenho corpo e cabeça de 16 e eu tenho medo do meu corpo mudar e alguem perceber e eu tenho medo de ficar gorda. Ajude-me pois eu tenho vontade mas tenho medo de algumas coisas.

Anónima, 13 anos


Cara Anónima:

Parece-me que tu gostas muito desse rapaz e estás disposta a fazer tudo para não o perder. Mas se esse rapaz é mesmo a pessoa certa, estará disposta a esperar até tu estares preparada para perder a virgindade com ele e não te deves sentir pressionada a fazê-lo só para o não perder. Parece-me pelas tuas dúvidas que ainda não estás preparada, pois parece-me que queres fazer amor com ele, não porque queres, mas porque tens medo de ficar gorda e depois ele não gostar de ti. Quem te diz, que depois de dormirem juntos, ele deixe de gostar de ti, por teres engordado? Por isso deves ter paciência, pois se ele realmente gostar de ti, estará disposto a esperar e não se importará com a tua aparência física, pois gosta de ti pelo que és. A decisão cabe apenas a ti, mas parece-me que ainda não estás preparada e estarás a cometer um erro ao perder a virgindade por medo.

Dr. Coração
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: REVISTA MARIA, E NÃO SÓ - PODEM ACREDITAR...   Dom Out 24, 2010 2:28 pm

Ana : “Não quero apanhar herpes!”

“Eu e o meu namorado adoramos fazer sexo mas neste momento ele tem herpes e eu não o quero apanhar”

Cara leitora, tem toda a razão em sentir-se preocupada com este assunto, uma vez que o herpes é uma doença sexualmente transmissível. Como tal, é necessário ter cuidados redobrados. O herpes é uma doença que dura toda a vida, pois fica incubado e quando existe uma fraqueza imunológica ela reaparece. Apesar de o vírus do herpes poder ser transmitido em qualquer altura, este é mais contagioso aquando da existência de lesões na zona genital. Nessa altura, não recomendo, de forma alguma, que tenha relações sexuais com o seu namorado, nem mesmo com a utilização de preservativo.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: REVISTA MARIA, E NÃO SÓ - PODEM ACREDITAR...   Dom Out 24, 2010 10:41 pm

Ele é muito mulherengo...

Caro Dr. Coração:

Eu tô a curtir com um rapaz lindo mas muito mulherengo. Eu tambèm nao gosto mais dele. Serà que devo investir nesse "amor"?

Anónima


Cara Anónima:

Parece-me que tu mereces alguém melhor na tua vida. Tu tens dúvidas quanto ao que sentes por ele, e parece-me que ele não gosta realmente de ti, mas apenas quer curtir contigo. Tu não te deves prender nessa relação, só porque ele é lindo. Para uma relação ter sucesso, é necessário muito mais do que a atracção física. Tem de existir confiança, empatia e amizade. E não me parece que seja isso que tu tenhas. Tu deverás acabar com ele e tentar encontrar alguém por quem vale a pena investir o teu tempo e os teus sentimentos. Espero que penses no que te disse.

Dr. Coração
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: REVISTA MARIA, E NÃO SÓ - PODEM ACREDITAR...   Seg Out 25, 2010 3:04 pm

Pedro : “Ela e os filmes pornográficos”

“Gosto muito de ver filmes pornográficos, e pretendia que a minha namorada os visse comigo, mas tenho medo da reacção dela e de que isso nos possa afectar. O que devo fazer?”

Caro leitor, o melhor que pode fazer será experimentar para ver o resultado. Se acha que o seu relacionamento precisa de uma mudança em termos sexuais, por ser marcado pela monotonia, o visionamento de filmes pornográficos em conjunto pode ser estimulante para ambos e dar um novo alento à relação, e também para implementar alternativas às relações sexuais que têm mantido. Ninguém melhor do que o leitor para saber qual será a reacção da sua namorada relativamente a este tipo de assunto. Se ela for uma pessoa muito reservada e que se reja por valores e conceitos tradicionais, será melhor ir com calma, para ver de que modo poderá introduzir esta inovação nas vossas vidas. Ao visionar este tipo de filmes com a sua namorada, vai permitir que haja uma maior cumplicidade entre ambos e uma nova perspectiva do sexo. Esta prática pode oferecer a possibilidade de se sentirem excitados só pelo simples facto de observarem outras pessoas a terem relações sexuais.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: REVISTA MARIA, E NÃO SÓ - PODEM ACREDITAR...   Ter Out 26, 2010 3:05 pm

O meu marido envolveu-se com uma acompanhante...

Caro Dr. Coração:

Venho contar a minha historia. Sou casada há 12 anos e sempre fui feliz, claro q num casamento há sempre as suas discusoes, mas é assim. Tenho em filho de 7 anos.
Sempre confiei no meu marido como ele em mim. Desde o ano passado q ele se envolveu com uma striper e acompanhante a ponto de me pedir o divórcio.
Lutei, dei uma volta ao meu casamento à nossa vida intima e consegui q ele percebesse q ainda me amava, q tinha sido um fraqueza. entertanto ela foi pa o brazil e a nossa vida continuou melhor q nunca, ate ela vir novamente para cá e não o largar. Estava sempre a telefonar para ele, para mim, e aparecia no estabelecimento dele a toda a hora, aliás ela vivia em frente ao estabelecimento, sei q o q ela sempre quis foi dinheiro pois ele é dono de um restaurante.
Com muita triteza vim a saber q ele manteve relaçoes intimas com ela pelo menos durante um mês fiquei muito triste, magoada pois sempre lhe dei a opçao de ele escolher nunca o prendi para nada ele decidiu q me amava e q era comigo q queria ficar, aceitei-o.
Mas as minhas duvidas continuam nao sei se fiz bem ou mal. Amo o meu marido e sei q ele me ama a mim, tenho neste momento tudo q se possa desejar de um marido e tambem de como um pai para o nosso filho, só nao tenho conseguido afastar medos de novas traiçoes tem sido muito doloroso para mim pois pensei q poderia esquecer e não consigo não me tem saído do pensamento a traiçao dele, nao sei q fazer...
Obrigado por me ter dado oportunidade de poder desabafar as minhas angustias.

Sisi, 35 anos


Cara Sisi:

O teu marido traiu a tua confiança, mas tu acabaste por lhe perdoar. O problema é que tu ainda não recuperaste a confiança nele e pois isso está muito insegura sobre o que ele poderá fazer. Por isso, terás de falar com ele e dizer-lhe o que sentes. Numa relação tem de existir confiança entre ambos os parceiros, sob risco de mais cedo ou mais tarde acontecer algo que porá em causa o vosso futuro. A melhor forma de prevenir que isso aconteça é resolver os problemas assim que eles surjam.
A questão mais relevante é o facto de tu amares ou não o teu marido. Se a resposta for afirmativa, então deverás fazer o que te for possível para manter o teu casamento. Mas isso implica que teu marido esteja disposto a fazer o mesmo e para isso é preciso que ele saiba o que sentes.
Espero que penses no que te disse antes de tomares quaquer decisão.

Dr. Coração
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: REVISTA MARIA, E NÃO SÓ - PODEM ACREDITAR...   Qua Out 27, 2010 3:44 pm

Jorge : “Ela era casada!”

“Namorei sete meses com a mulher que julgava ser a minha alma gémea, até que, um dia, descobri que ela é casada. Já tentei esquecê-la mas não consigo. O que devo fazer?”

Caro leitor, sem qualquer intenção, envolveu-se com uma pessoa casada e, pelo que conta, dá a entender que reprova esta situação. Agora vê-se sem muitas alternativas, pois sente-se incomodado com a situação gerada, mas também não a consegue esquecer. Apesar de estar a viver uma situação constrangedora, sente-se realizado com a relação. Por outro lado, encontra-se a viver um pesadelo. Pense na sua felicidade e veja se vale a pena estar a investir numa relação em que vai estar sempre em segundo plano.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: REVISTA MARIA, E NÃO SÓ - PODEM ACREDITAR...   Qua Out 27, 2010 8:52 pm

Estou atraída pelo meu professor...

Caro Dr. Coração:

É o seguinte... eu tenho 16 anos [17 mes q vem] e eu... bem... eu quero meu professor!! Não diria q é amor pq eh uma palavra mto forte... qdo eu amo alguem eu prefiro passar uma tarde com essa pessoa conversando do q uma hora ficando com essa pessoa, mas com o meu professor é diferente... ele me deixa louca!!
O ano acabou e eu so vou ver ele mais uma vez [semana q vem] pq ele vai sair do colegio... por um lado isso é bom pq nao seremos mais aluna e professor, mas por outro é ruim pq eu nao vo mais conseguir ver ele.
Minhas amigas dizem "vai, da pelo menos um celinho nele no ultimo dia de aula" mas eu acho melhor nao... pq se eu tiver q ter alguma chance com ele, dentro do colegio as chances d poder ter algo sao nulas...
...eu qria era poder encontrar ele numa festa... ai seria tudo mais facil... mas sem ter mais contato com ele eu n vo mais saber em quais festas ele vai.
qq eu faço?

Anónima, 16 anos


Cara Anónima:

É muito normal uma aluna apaixonar-se ou sentir-se atraída pelo seu professor, pois essa pessoa parece-lhe uma pessoa mais experiente e mais madura, diferente das pessoas da nossa idade. Mas muitas vezes, esses sentimentos não são retribuídos e o professor não te vê como mais do que uma aluna. Eu acho que tu deverias fazer um esforço para tentar esquecê-lo, pois são muito reduzidas as possibilidades de vocês terem alguma coisa, pois mesmo ele não sendo já teu professor, ele ainda está no teu colégio. Para evitar que continues a sofrer, deverás fazer um esforço para não pensar mais nele e seguir com a tua vida. Caso continues a alimentar esperanças de encontrar-te com ele, maior será a tua desilusão e dor quando perceberes que os dois nunca ficarão juntos. Cabe a ti decidir o que fazer, mas espero que penses no que te disse.

Dr. Coração
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: REVISTA MARIA, E NÃO SÓ - PODEM ACREDITAR...   Qui Out 28, 2010 9:59 pm

Manuel : “Os orgasmos estão fracos”

“Tenho 67 anos, e mantenho-me activo sexualmente, mas sinto que os meus orgasmos diminuem de intensidade e demoro mais tempo a atingi-los. Porque será?”

Caro leitor, o orgasmo consiste na expectativa de sentir prazer e de libertar tensão sexual, e quanto maior for essa mesma expectativa mais intenso será o orgasmo sentido. Por vezes essa expectativa diminui devido a vários factores, entre eles o ‘stress’, o desinteresse ou o cansaço. Experimente masturbar-se utilizando um lubrificante mas pare uns instantes antes de atingir o orgasmo, espere alguns segundos e recomece a masturbar-se parando novamente quando estiver quase a atingir o orgasmo.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: REVISTA MARIA, E NÃO SÓ - PODEM ACREDITAR...   Sex Out 29, 2010 12:41 pm

Ando com um homem casado...

Caro Dr. Coração:

Estou triste. Mandei uma sms para ele e não me respondeu. Ele não entrou em contacto comigo deste então. Quando estamos juntos, parece me amar acima de tudo, eu como touro, sou romantica, carente e carinhosa. Ele sabe bem disso, e trata-me como uma deusa. Apesar de ser casado e ter dois filhos, diz sempre que sou muito linda e especial, temos sintonia, ele me faz feliz.
Mas são 5 dias sem contacto por parte dele, e parece que ele costuma ter relacionamentos desse tipo com outras pessoas. O que devo fazer? Estou tão triste.

Morena


Cara Morena:

Parece-me que estás envolvida numa relação sem qualquer futuro. Parece-me óbvio que ele não te ama de verdade, pois não só é casado, como também tem relações casuais com outras mulheres. Tu gostas dele e ele faz-te feliz quando ele quer. Mas tu nunca serás verdadeirmente feliz com uma relação deste tipo. Tu mereces melhor, pelo que deverás acabar tudo com ele e continuar com a tua vida. Será difícil no início, mas tu no teu íntimo sabes que será esta a melhor solução. Ele só te procura quando quer e não quando tu precisas. Tu precisas de alguém que queria sempre estar contigo e para quem sejas a única mulher da sua vida. Espero que penses no que te disse.

Dr. Coração
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: REVISTA MARIA, E NÃO SÓ - PODEM ACREDITAR...   Sab Out 30, 2010 1:59 pm

João : “Quero fazer sexo anal!”

“Vejo em filmes pornográficos e gostava muito de experimentar sexo anal, mas a minha namorada não quer, diz que é sujo e tem medo. Como a posso convencer?”

Caro leitor, tem de perceber se a relação que têm lhe permite experimentar uma prática sexual nova e se isso faz sentido para os dois. É importante fazer a sua namorada sentir-se respeitada na sua sexualidade. O que se vê nos filmes pornográficos não é necessariamente o que as mulheres preferem. Esta prática pode ser dolorosa para a mulher, pelo que estar excitada é muito importante. Há maneira de tornar o sexo anal higiénico e confortável: usar preservativo e lubrificante à base de água, estar bem relaxada, tentar a penetração depois de um bom período de excitação e se houver penetração vaginal deve ser com um preservativo diferente do utilizado para a anal.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: REVISTA MARIA, E NÃO SÓ - PODEM ACREDITAR...   Dom Out 31, 2010 2:24 pm

Não sei qual dos dois escolher...

Caro Dr. Coração:

Há quase um ano, declarei-me a um rapaz que não é o mais bonito à face da Terra por carta, mas eu gosto dele. O pior é que ainda não namoramos nem conversamos como amigos! Mas agora eu comecei a apreciar os rapazes da minha escola e eles são tão giros e olham para mim. Mas chego a casa e sinto-me confusa: não sei se gosto do que me declarei ou do rapaz da minha escola (têm ambos 15 anos mas tenho na consciencia de que o rapaz da escola nunca vai namorar comigo, disso tenho quase a certeza). O que hei-de fazer?

Anónima


Cara Anónima:

Tu és uma pessoa muito tímida, que tens algumas dificuldades em dizer o que sentes às pessoas. Por isso, não sabes exactamente o que o primeiro rapaz sente por ti. São grandes as possibilidades dele não sentir o mesmo por ti, por não te ter dito nada após teres declarado. Por isso, deves seguir com a tua vida e tentar esquecer esse rapaz de quem gostas. Um dia irás encontrar um rapaz que goste de ti. Se achas que o rapaz da escola não é essa pessoa, então não penses nele. Se fizeres um esforço para te tornar cada vez menos tímida, um dia irás encontrar alguém que goste de ti. Tens de ter paciência até a pessoa certa te encontrar... Mas tem em atenção de que só por tu gostares de alguém, não implica que ela retribua os teus sentimentos. Espero que te tenha ajudado.

Dr. Coração
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: REVISTA MARIA, E NÃO SÓ - PODEM ACREDITAR...   Dom Out 31, 2010 10:42 pm

Carla : “Sinto-me insatisfeita…”

“Tenho 45 anos, sou casada há 15, e ultimamente tenho-me sentido insatisfeita sexualmente. Como devo lidar com a situação?”

Cara leitora, uma vez que está com o seu marido há 15 anos pode fazer com que a relação tenha caído na rotina. Reflicta um pouco, para que possa averiguar o que gostaria de alterar no relacionamento e converse com o seu marido para que possam delinear estratégias que devolvam alguma diversidade à vida sexual.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: REVISTA MARIA, E NÃO SÓ - PODEM ACREDITAR...   Seg Nov 01, 2010 6:48 pm

Não sei o que ele quer...

Caro Dr. Coração:

Sou uma mulher com trinta anos que se relacionou com um jovem nos seus vintes, tudo lindo no Verão, mas com interferências de uma amiga comum, supostamente confidente de ambas as partes, as coisas começaram a correr menos bem. Já tinhamos acordado ter uma relação solta sem grandes cobranças porque ele assustou-se um pouco. O problema é que está sempre a consultar a amiga para tomar decisões. Ela também passou a ser a minha confidente e apesar de ela dizer que ajuda, tenho as minhas dúvidas. Entretanto, tivemos juntos um sábado, fizemos amor e notei-o mais carinhoso, pois já não estávamos juntos há algum tempo. Ele acha que eu sou fantástica na cama e está muito mais solto sexualmente.
No entanto, passado uma semana, e depois de um jantar em que bebi, sai com essa tal amiga e fomos até um café onde ele também estava e eu perguntei-lhe se tinha gostado da noite e ele fez-se de caro, eu como estava um pouco alcolizada, dei-lhe um beijo no pescoço e ele foi-se embora. A verdade é que a noite acabou mal, porque a tal amiga comum foi para ao hospital por excesso de bebida. Ela mandou-me muitas mensagens, que ele só quer sexo, e insiste em achar que estou muito mal psicólogicamente. Eu já lhe fiz ver que não estou mal estou sim confusa e que estou um bocado farta das intromissões dela e preciso de espaço. E se ele só quer sexo, eu é que tenho de perceber isso. Dele não sei nada, não sei o que ela lhe diz, deixei de confiar nela.
E estou de facto confusa. Eu reconheço que sou uma excelente pessoa, independente, bonita e interessante, mas tenho tendência para amizades sufocantes. Gostaria mesmo de falar directamente com ele para perceber o que se passou, ou então fazer-lhe a seguinte proposta: não quero falar do se passou no sábado, estava alcolizada, fiz disparate, mas tenho uma proposta a fazer-te. Queres aventura, muito sexo e loucura à mistura? Eu também, mas isto tem de ser um segredo nosso, pois trata-se da nossa intimidade, sem intromissão de terceiros. Neste momento, é isso que eu quero...

Anónima, 30 anos


Cara Anónima:

Parece-me que tu estás muito confusa sobre o que tu realmente queres. E o facto de as coisas não estarem a correrem como tu gostarias, faz com que tu te sintas insegurança e desconfiada, inclusive de pessoas em quem tu confiavas. Mas se tu reflectires com calma, verás que talvez te estejas a precipitar e uma pessoa que esteja de fora tenha uma perspectiva mais lúcida e directa da situação. Por isso, a tua amiga é capaz de ver coisas que tu se calhar estás a ignorar por causa do que sentes pelo outro rapaz. Essa é uma situação perfeitamente normal quando os nossos sentimentos falam mais alto e muitas vezes não gostamos quando uma pessoa nos faz voltar à realidade, pelo que não queremos ouvir o que ela nos diz.
Tu é que tomas as tuas decisões, mas eu diria para parares um pouco e pensar com a cabeça e não com o coração sobre se o que a tua amiga te disse faz sentido e te queira proteger. Mas cada um sabe da sua vida e decide o que fazer... o que não nos deve impedir de procurar a opinião e conselho de alguém que tenha uma perspectiva mais racional das coisas... Se tu queres falar com esse rapaz e dizer o que queres, estás no teu direito... Mas pensa só no que te disse antes de tomar qualquer decisão que possas arrepender no futuro.

Dr. Coração
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: REVISTA MARIA, E NÃO SÓ - PODEM ACREDITAR...   Ter Nov 02, 2010 4:04 pm

Sandra : “Atraída por outro homem...”

“Vivo com o meu companheiro há cerca de quatro anos e sempre nos demos bem. Embora tenhamos um relacionamento sério e eu sinta que o amo, há algum tempo comecei a sentir-me sexualmente atraída por um homem que conheço. Não sei o que fazer...”

Cara leitora, pelo que escreveu, noto que se encontra bastante instável e confusa a nível emocional. No início do seu namoro, a conquista do seu namorado revelou-se algo estimulante e de afirmação do seu poder de sedução, mas após quatro anos a vossa relação caiu na rotina e a excitação não é a mesma. O facto de se sentir sexualmente atraída por outro homem sugere que a leitora tem a necessidade de voltar a sentir a excitação da conquista. Todos os seres humanos gostam de conquistar e ser conquistados, mas lembre-se de que, depois da conquista e do desvendar do mistério que se encontra por detrás da pessoa desejada, facilmente se chegará a um momento de rotina e insatisfação. Fazer sexo apenas por prazer carnal pode ser uma experiência inesquecível mas fazer amor com a pessoa que se ama é bem melhor.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: REVISTA MARIA, E NÃO SÓ - PODEM ACREDITAR...   Qua Nov 03, 2010 1:09 am

O que tenho de fazer para curtir com um rapaz?...

Oi. Chamo-me Karol. Queria saber o que tenho de fazer para curtir com um rapaz rapidamente pois sou muito timida. Podes-me ajudar?

Karol


Cara Karol:

Parece-me que tu estás a pressionar-te um pouco para ter algo com um rapaz. Tu não deves fazer coisas para o qual não deves estar preparada e parece-me que estás a precipitar-te um pouco em querer encontrar alguém rapidamente. Parece-m que tu estás um pouco envergonhada pelo facto de todas as tuas amigas já o terem feito e tu devido à tua personalidade, ainda não o fizeste. Acho que tu devias ter paciência. Um dia irás encontrar alguém com queiras curtir, porque gostas dele e não porque não queres ser a única rapariga a não o ter feito. Irás acabar por te magoar e por seres tímida, provavelmente acabarás por te fechar ainda mais. Quanto tu encontrares o rapaz certo, tu o saberás e nessa altura, mesmo sendo tímida, irás arranjar a coragem para dizer-lhe qualquer coisa. A decisão é tua, mas acho que não devias sentir-te pressionada para fazer algo para o qual não estejas preparada. Espero que ouças o meu conselho.

Dr. Coração
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: REVISTA MARIA, E NÃO SÓ - PODEM ACREDITAR...   Qua Nov 03, 2010 10:27 pm

José : “Não consigo penetrar a minha esposa!”

“Tenho 60 anos e estou muito triste, pois o meu pénis já não fica suficientemente duro para penetrar a minha esposa. É normal isto acontecer?”

Caro leitor, com a idade, alguns homens começam a ter alguns problemas de erecção. Caso tenha tomado ou esteja a tomar medicação para tratamento de depressão, ansiedade, tensão alta, diabetes ou coração, os medicamentos podem diminuir a sua capacidade de ter ou manter uma erecção o tempo suficiente para que haja a penetração. Consulte um médico e converse com ele acerca dos efeitos secundários de quaisquer medicamentos.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: REVISTA MARIA, E NÃO SÓ - PODEM ACREDITAR...   Qui Nov 04, 2010 12:02 am

Dormi com outro rapaz mas ele já não está interessado em mim...

Caro Dr. Coração:

Namoro há 4 anos e 8 meses. A minha relação esfriou e acabei dormindo com outro rapaz. Tenho 19 anos e ele 17. Só q acabei ficando apaixonada por ele.Tudo dava a entender q ele também, antes de dormimos juntos e ele mandou uma mensagem assim: "vc já pensou se vc gosta do nosso fica como é q vai ficar?". Até hoje não entendo a mensagem. Não curtimos mais nenhuma vez, e quando nos falamos ele pergunta quando vamos nos ver de novo, eu marco e ele não vai. Não o entendo. A cada dia q passa fico mais apaixonada e acho q ele nem pensa em mim...o q devo fazer?

Anónima, 19 anos


Cara Anónima:

Parece-me que esse rapaz não sente por ti o mesmo que tu sentes por ele. Tu estás a ficar apaixonada por ele, mas parece-me que ele já obteve o que queria de ti, pelo que já não está interessado em encontrar-se contigo novamente. Tens de seguir em frente com a tua vida e deixar de pensar nele... Tens de concentrar-te no teu namoro, pois há coisas que não estão a correr bem na tua relação e tu, em vez de tentares resolve-las, estás à procura do que te falta noutro homem. Se queres por um poco de ordem na tua vida, deverás falar com o teu namorado e ser honesta com ele, pois não me parece que o outro rapaz queira algo sério contigo. Cabe a ti tomar a decisão do que queres fazer com a tua vida.

Dr. Coração
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: REVISTA MARIA, E NÃO SÓ - PODEM ACREDITAR...   Qui Nov 04, 2010 4:42 pm

Tânia : “Já não sou virgem”

“Tenho 17 anos, namoro há seis meses e perdi a virgindade há dois. Gostaria de começar a tomar a pílula. Disse à minha mãe e ela quer levar-me ao ginecologista. Só que eu não quero que ela saiba que não sou virgem...”

Cara leitora, a opção de consultar um especialista é bastante sensata e demonstra maturidade da sua parte. Ainda bem que adoptou essa postura, porque a escolha de um método contraceptivo deve ser algo ponderado. Em relação ao que mais a preocupa, que é a presença da sua mãe na consulta de ginecologia, converse com ela e dê-lhe a perceber que prefere que ela fique na sala de espera durante a consulta devido a tratar-se de uma consulta de ginecologia.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: REVISTA MARIA, E NÃO SÓ - PODEM ACREDITAR...   Qui Nov 04, 2010 10:40 pm

Um antigo amor está a namorar com outra mulher...

Caro Dr. Coração:

Sou casada e amo o meu marido, mas há pouco tempo soube que uma amiga está a namorar um antigo amor meu. Não chegamos a namorar por muito tempo mas um dia já sonhei casar com ele. Agora está noticia incomodou-me. Acho que não sinto nada por ele. Porque sinto-me assim?

Anónima


Cara Anónima:

É perfeitamente normal estares a sentir-te dessa forma. Quando se gosta de alguém, e no teu caso parece-me que tu realmente amavas esse homem, nunca se acaba por esquecer totalmente essa pessoa. Mas o que fica é apenas a lembrança de algo que fez parte da tua vida e o tempo ajudou a que acabasses por esquecê-lo e que o amor desvaneceste. Tu entretanto casaste com uma pessoa que amas, e é nisso em que te deves concentrar. Tu já não sentes nada pelo outro homem, mas há coisas que nunca esquecemos. Mas isso não impede que continuemos a viver a nossa vida e concentrarmo-nos no futuro.

Dr. Coração
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: REVISTA MARIA, E NÃO SÓ - PODEM ACREDITAR...   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
REVISTA MARIA, E NÃO SÓ - PODEM ACREDITAR...
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 6 de 11Ir à página : Anterior  1, 2, 3 ... 5, 6, 7 ... 9, 10, 11  Seguinte
 Tópicos similares
-
» Joquebede mãe de Moisés e Maria mãe de Jesus
» Jardim santa maria - zona leste de são paulo - capital
» Revista CTA - Volume 2 - para todos
» Revista 103 dicas e macetes em eletrônica
» As irmãs já podem tocar na Orquestra da CCB Vitória das mulheres! Gloria Deus!

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
A LIBERDADE É AMORAL :: E O VERBO SE FEZ PALAVRA...-
Ir para: