A LIBERDADE É AMORAL

Local de discussão livre sobre todos os temas sociais.
 
InícioInício  CalendárioCalendário  FAQFAQ  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-seConectar-se  

Compartilhe | 
 

 JOE BERALDO - O ANALFABRUTO

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: JOE BERALDO - O ANALFABRUTO   Dom Abr 25, 2010 5:51 pm

CONHECES JOE BERARDO?

O quê?!? Não conheces?!? Mas em que raio de mundo é que vives…waky waky…está na hora!

Se Pinto Balsemão é o Sr. dos Bolos, Joe é o Sr. OPA! Hoje em dia falar de OPA e de Joe são em si, a mesma coisa! Não há nada que ele não OPE (sim, do verbo OPAR)!

Joe começou a extrair ouro do entulho acumulado à entrada das minhas de ouro da Africa do Sul, qual Houdini Africano. Passou por porteiro de boite, ganhando 450 rands por mês…lá caparro tem ele e não me perguntem quanto é que são 450 rands…já tive dificuldades em converter os euros da fortuna dele em contos!

Joe nem sempre foi um tipo certinho, passou a sua fase de Bad Boy. Em 19 e troca o passo, mais precisamente em 67, fichou (acto de ter uma ficha registada) na esquadra do Hospital Hill em Joanesburgo…por imagine, posse ilegal de arma. Não o censuro, pois ele já estava a prever o apartheid, hoje em dia esse belo país também vive à prova de bala!

É também um criativo, bronco, mas criativo, pois foi o primeiro magnata a aparece num anúncio televisivo, como podem ver. Mas como qualquer bom criativo, gosta da pinga e decidi comprar a Quinta da Bacalhoa, em Setúbal. Sendo que é o maior coleccionador nacional, considerado o Gulbenkian do Século XXI!

Os seus amigos dizem que ele tem um faro apurado para o negócio, qual Jean-Baptiste Grenouille dos Negócios. Eu diria que ele está em toda a parte, vejamos:

- Vetou a OPA da Sonae à PT, da qual já vendeu os 5 milhões de acções, obtendo um encaixe financeiro de “apenas” 55 milhões de euros

- Travou o regresso de Jardim Gonçalves ao BCP na Assembleia Geral

- Já teve capital na SIC, Record, Diário Popular…entre outros

No passado dia 15 de Junho, Joe lançou uma OPA sobre 60% do capital do Benfica SAD, sendo que a CMVM obrigou-o a aumentar para 85%. Se a operação avançar, Joe torna-se no novo Papa da Catedral da Luz, passando a privar de 6 milhões de seguidores.

A sua fortuna está avaliada em “apenas” 2 mil milhões de Euros. Quais serão os seus próximos?

Joe fica aqui uma dica de amigo, o Alfinete não está à venda, é priceless…bem, quer dizer, Joe…bem…por uns milhões resolvemos a questão! Mas se quiseres OPAR a Segurança Social eu e muitos milhões de Portugueses ficam agradecidos!

(Alfinete de Peito)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: JOE BERALDO - O ANALFABRUTO   Dom Abr 25, 2010 5:55 pm

O caimão

"De onde vem todo este dinheiro?" é a pergunta que perpassa, de modo quase obsessivo, o filme de Nani Moretti sobre Silvio Berlusconi. A pergunta fica no ar mas, a dada altura, o dinheiro cai, literalmente, sobre a cabeça do futuro primeiro-ministro italiano.

A imagem ocorre a propósito do comendador Joe Berardo, que partilha com Berlusconi alguns atributos. Um deles é a opacidade sobre a origem da sua fortuna. O outro é a atracção pelo negócio dos media, a que Berardo também sucumbiu mas que entretanto vendeu, com as habituais mais-valias. Num ponto não coincidem: enquanto Berlusconi se virou para a política, o comendador preferiu ser "mecenas" de arte moderna.

Berardo já passou por várias fases. Já comprou empresas, que entretanto passou a gerir, e depois vendeu. Foi o que fez nos jornais, por exemplo. Mais recentemente concentrou-se nos investimentos em bolsa, em algumas das "blue chips" nacionais, onde tem aplicados mais de 600 milhões de euros. Mas não perdeu o gosto pelas incursões hostis, que ele sabe que acabarão por ser dinheiro em caixa. Que o digam João Rendeiro, que o teve como sócio nas águas Frize, ou a família Guedes, que com ele convive agora numa sociedade "holding" de controle da Sogrape.

Ganhar dinheiro não é pecado. Pecado pode ser a forma como se ganha dinheiro. Ora como Joe Berardo – o homem que se veste sempre de preto sem que se saiba porquê, como consta na sua biografia na Wikipedia – só é discreto no vestuário, o seu comportamento dá muito nas vistas e chamou as atenções do "polícia" do mercado.

Que passou a estar atento ao ciclo das suas declarações de que está numa determinada empresa para ficar, para vender a seguir na primeira oportunidade. A questão é demonstrar se as declarações de Berardo representam uma manipulação do mercado, contribuindo objectivamente para fazer subir as cotações, de que vai tirar proveito mais tarde.

É matéria de difícil ou quase impossível prova, mas lá que existe um padrão nas intevenções do comendador, lá isso existe. E quando existem demasiadas coincidências, há razões para desconfiar.

O "modus operandi" de Joe Berardo pode não ter nada de ilegítimo. Não é crime ser especulador financeiro. E se Berardo usa a comunicação social para passar a sua mensagem, a comunicação social também o usa a ele para bater a concorrência, vender jornais ou tempo de antena.

A verdade é que o sucesso do comendador suscita invejas e o seu estilo predador deixa um rasto de inimigos. Como não nasceu em berço de ouro e cultiva um estilo controverso, Berardo é um alvo fácil de maledicência.

Também discutível é o veículo que utiliza para o investimento em bolsa. Ao fazê-lo através da sua fundação, reconhecida como instituição de solidariedade social, Berardo tem direito a um conjunto de benefícios fiscais, nomeadamente à isenção de impostos sobre mais-valias, condicionada à sua aplicação na própria fundação. Mas como não há ninguém que fiscalize a forma como os dinheiros são aplicados, a situação configura uma espécie de paraíso fiscal.

Que o Governo – este e todos os outros que o antecederam, pelo menos desde António Guterres – pactue com esta situação, sem clarificar o regime legal das fundações, só não é motivo de escândalo porque já nada escandaliza neste país à beira mar plantado.

(Jornal de Negócios)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: JOE BERALDO - O ANALFABRUTO   Seg Abr 26, 2010 1:44 pm

Berardo assume que reduzir pensões de antigos administradores do BCP é "missão"

O presidente do conselho de remunerações do Banco Comercial Português (BCP), Joe Berardo, assume mesmo como uma "missão" conseguir a redução das pensões de seis antigos administradores do banco.

Em declarações à agência Lusa Joe Berardo não precisou os montantes envolvidos mas estimou que, em conjunto, os seis ex administradores auferem um montante que é 20 por cento da totalidade dos 20 mil pensionistas da instituição.

"Sei que vou ser crucificado, que aquelas pessoas são muito poderosas. Mas quando acabar esta missão (...) já cumpri a minha missão de abusos, o sistema financeiro nunca mais vai ser abusado como foi abusado no passado", garantiu.

Por outro lado, referiu, "ainda hoje ninguém sabe qual é a remuneração apropriada" no BCP, situação que acontece, justificou, devido a recursos à via judicial para "bloquear" as decisões.

Berardo sustenta ainda que os problemas que afectam o sistema financeiro nos dias de hoje derivam, das leis "feitas no Parlamento sobre o joelho".

"Mesmo que um juiz queira fazer alguma coisa não pode", lamentou.

A esse propósito aludiu a uma notícia, publicada sábado no semanário Expresso, que dá conta que o ex-banqueiro João Rendeiro ganhou 3 milhões de euros do Banco Privado Português (BPP), em 2008, ano em que a instituição financeira entrou em colapso e pediu a intervenção do Banco de Portugal para evitar a falência.

"Um administrador de um banco que estava [em] bancarrota estava a ser remunerado em três milhões de euros por ano. E anda toda a gente aqui a rir", acusou, responsabilizando, outra vez, "as leis do Parlamento".

"Não é o nosso sistema judicial, o nosso sistema judicial tem as leis para cumprir", sublinhou.

Para Joe Berardo, a situação actual tem de ser analisada, para evitar que volte a repetir-se.

"Tudo isto tem de ser analisado e pensado, [para sabermos] como é que vamos contribuir para que essa ladroagem acabe de uma vez", sustentou.

(Lusa)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: JOE BERALDO - O ANALFABRUTO   Seg Maio 17, 2010 12:20 pm

Berardo ataca especuladores

17.05.2010

Joe Berardo comenta, em declarações ao Diário Económico, o actual momento do mercado e o facto de o título BCP, de que é accionista, continuar a ser um dos alvos preferenciais dos ‘short-sellers'.

O empresário, que muitos qualificam de "especulador", ataca directamente aqueles que fazem ‘raides' ofensivos no mercado.

A necessidade de maior controlo do ‘short-selling' é defendida desde que rebentou a crise financeira.
É uma desgraça que tem de ser revista a nível mundial. O problema é que são os doadores de campanhas em todo o mundo. O Papa defende a regulação dos mercados. É preciso o Papa dizer isso? O que fizeram os grandes economistas?

O que é que, no seu entender, deve ser feito?
Pode rezar-se à vontade contra o capitalismo mas não vai resolver o problema. Eu não sei qual é a alternativa mas se tivesse influência política a nível mundial eu punha um limite àquele tipo de transacções [‘short-selling'] até uma nova ordem no mundo. É impossível. Sempre houve especulação mas isto é inadmissível. Não há pensões que resistam a isto. E estou a ser vítima também disto. Estamos nas mãos de talvez mil pessoas que dominam o mundo. É parar já. É suspender todas as operações e encontrar uma nova ordem. Uma ordem no capitalismo, como diz o Santo Padre. Contra isto, rezar, rezar.

(Diário Económico)


PS: Um especulador a atacar os especuladores? Que mais estará para vir?
Voltar ao Topo Ir em baixo
REGINALDO

avatar

Mensagens : 666
Data de inscrição : 15/12/2009

MensagemAssunto: Re: JOE BERALDO - O ANALFABRUTO   Seg Maio 17, 2010 6:05 pm

OH BERARDO, quanto dinheiro ja ganhaste com o SHORT-SELLING na tua vida? Por favor, nao venhas agora armado ao pingarelho!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: JOE BERALDO - O ANALFABRUTO   Qui Jul 15, 2010 6:28 pm

Joe Berardo: governo deve "nacionalizar tudo e começar tudo de novo"

11.07.2010

O empresário Joe Berardo defendeu hoje, em entrevista à Agência Lusa, que uma das soluções para Portugal sair da atual crise financeira passa pelo Governo “nacionalizar tudo e começar tudo de novo”.

Numa entrevista à agência Lusa, o comendador considerou que se perspetiva “um problema dramático nos próximos cinco anos” para a economia nacional.

“Estamos a brincar com o lume. Portugal está completamente endividado, ao nível do Governo, das empresas e privados”, opinou, acrescentando que o país “não se pode dar ao luxo” de fazer exigências.

Sublinha que “as pessoas ainda não compreenderam que não há alternativa e não podemos justificar este endividamento”.

O empresário madeirense defende ser necessário “negociar uma globalidade e andar com o problema para a frente porque o dinheiro virtual que não está a ser contabilisticamente apreciado vai ser uma dor de cabeça”.

“Empurramos este problema com a barriga mas vai chegar o dia em que acho que vai ser tudo nacionalizado”, diz.

Para Joe Berardo, a situação de Portugal neste contexto de crise “não é tão drástica como na restante economia mundial”, porque pela sua dimensão “não arrisca muito, sendo arrastado para o que é bom e para o que é mau”.

O empresário salienta que os problemas económicos e financeiros assolam vários países, incluindo o Japão, o que levou o primeiro ministro a “declarar bancarrota”.

Refere que “as pessoas não querem fazer os sacrifícios necessários” e realça que todo o processo “foi mal conduzido nos últimos tempos”, classificando de “o maior roubo à humanidade, o que estão a fazer nos offshores, que são casinos sem regulamentos”.

Critica os governos mundiais por não terem “otimizado os regulamentos para acabar com as malandrices nos offshores, tanto por franceses, como europeus e africanos”.

“Foi uma meia dúzia de homens que manipularam estas situações e estão a gozar da humanidade e vamos todos sofrer com isso”, conclui.

(Diário Económico)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: JOE BERALDO - O ANALFABRUTO   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
JOE BERALDO - O ANALFABRUTO
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
A LIBERDADE É AMORAL :: GRANDES PORTUGUESES-
Ir para: