A LIBERDADE É AMORAL

Local de discussão livre sobre todos os temas sociais.
 
InícioInício  CalendárioCalendário  FAQFAQ  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-seConectar-se  

Compartilhe | 
 

 ARMANDO VARA - O CAIXA ADMINISTRADOR

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: ARMANDO VARA - O CAIXA ADMINISTRADOR   Qui Out 29, 2009 1:25 pm

Armando Vara foi constituído arguido na operação Face Oculta

Armando Vara é um dos 12 arguidos ontem constituídos no âmbito da operação Face Oculta desencadeada pelo Departamento de Investigação Criminal de Aveiro da Polícia Judiciária. O vice-presidente do Millennium BCP “não faz comentários”, disse ao PÚBLICO uma fonte oficial do banco, tendo o PÚBLICO apurado que Vara não está a ser alvo de investigação por actos praticados na sua qualidade de gestor daquela instituição financeira.

Ontem à noite, a RTPN revelou que Vara terá sido surpreendido pelos investigadores a pedir ao empresário José Godinho cerca de dez mil euros.

O ex-ministro da Administração Interna do Governo de António Guterres e presidente da Fundação para a Prevenção e Segurança, que ontem se remeteu ao silêncio, deverá agora prestar esclarecimentos ao juiz de instrução criminal de Aveiro, quando este magistrado o questionar durante o primeiro interrogatório de arguido que deverá realizar-se no próximo mês de Novembro e se destina a definir as medidas de coacção a que os suspeitos ficarão submetidos.

Vara, recorde-se, exerceu vários cargos dirigentes no Partido Socialista e, antes de ingressar na administração do BCP, foi vogal do conselho de administração da Caixa Geral dos Depósitos, sendo actualmente responsável pelo pelouro das operações do BCP em África.

(Publico)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: ARMANDO VARA - O CAIXA ADMINISTRADOR   Qui Out 29, 2009 1:38 pm

Armando Vara promovido na CGD quando já estava no BCP

O ex-administrador da CGD e ex-quadro da instituição, com a categoria de director, foi promovido ao escalão máximo de vencimento, ou seja, o nível 18, o que terá reflexos para efeitos de reforma.

A promoção, do escalão 17 para o 18, foi decidida pelo conselho de administração a 27 de Fevereiro de 2008, já pela administração de Faria de Oliveira, que ascendeu ao cargo após a saída de Carlos Santos Ferreira e dos administradores Armando Vara e Vítor Manuel Lopes Fernandes para a administração do maior banco privado.

Contactados os respectivos gabinetes de comunicação pelo mesmo jornal, o BCP esclareceu que Vara «se tinha desvinculado definitivamente da CGD», remetendo para o banco público o esclarecimento sobre essa desvinculação. Por parte da CGD, fonte oficial adiantou que Armando Vara se «desvinculou da sua relação laboral com a CGD no dia 15 de Janeiro de 2008, conforme publicamente conhecido».

(IOL Diário)


Última edição por Anarca em Qui Out 29, 2009 1:42 pm, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: ARMANDO VARA - O CAIXA ADMINISTRADOR   Qui Out 29, 2009 1:42 pm

O curioso caso do benjamim Sócrates - Armando Vara

Benjamim: “Binyãmîn”, filho da mão direita, filho do sul ou filho preferido.

Estreou, no decorrer do ano passado, um dos filmes mais aguardados pelos amantes de histórias bizarras, capaz de nos transpor para realidades alternativas, e de nos fazer pensar sobre factos da vida que de tão inverosímeis, nunca nos passariam pelo imaginário. Contudo, senti desde o início desse filme, um arrepio na espinha, aquele inolvidável sentimento de déjà vu. As similitudes entre aquela produção de Hollywood e a “realidade surreal” na qual o povo português se sente mergulhado… Inegáveis!

Eis então que começo a pensar em alguns dos pontos na origem deste wormhole. Button trata-se duma personagem ficcionada, cuja particularidade é nascer velho e morrer novo. Por seu lado, o benjamim é alguém que em 1995 chega a secretário de Estado-adjunto do ministro do Ambiente sem qualquer tipo de formação na área, e só depois resolve “estudar” para tal. As semelhanças começam então a fluir ainda com mais veemência do que a convicção com que este benjamim se dirigiu ao país assegurando que a crise não afectaria Portugal… A máquina propagandista assumiu contornos escabrosos, ao ponto de afirmar: “Foi por isso que criámos as condições para que baixassem os juros com a habitação”, na sua habitual mensagem de Natal ao país. Parece que lá fora existe um tal Jean Claude Trichet à frente dum tal BCE que rapidamente o desmentiu. Penso que não trabalhe para a Agência Lusa…

Nestas situações, costumo dar o benefício da dúvida. Talvez o benjamim tenha dito aquilo por completa ignorância na matéria, por se ter aconselhado junto do seu velho amigo de intrépidas andanças Armando Vara, igualmente ex-aluno da Independente e na actual presidência do BCP.

Se me permitem o aparte, a vida e obra de Armando Vara daria para mais sequelas do que o “Saw”, desde a licenciatura concluída na Independente 3 dias antes da sua nomeação para administrador da CGD, passando pela sociedade Sovenco com os seus comparsas: Fátima Felgueiras, José Sócrates e Virgílio de Sousa. Porque é que só me vem à cabeça os irmãos Metralha?! Penso que talvez seja por causa disto: Armando Vara – condenado a 4 anos de prisão (pena suspensa); Fátima Felgueiras – condenada a 3 anos e três meses de prisão (pena suspensa); Virgílio de Sousa – condenado a prisão por um processo de corrupção no Centro de Exames de Condução de Tábua.

Eureca! Já sei o que vale a nomeação para secretário de Estado-adjunto do ministro do Ambiente: uma sociedade falhada de venda de combustíveis fósseis em 1990, nos subúrbios de Lisboa! Estes critérios de admissão estão cada vez mais apertados…

Cheguei a mencionar o facto de que Armando Vara é só licenciado em Filosofia e Relações Internacionais? Penso que não. O curioso caso de Armando Vara…

Ainda hoje estou por descobrir, como é que uma universidade que forma altas patentes do dirigismo político nacional fecha portas por falta de condições no ensino. Não existem muitas por aí que se possam gabar desta profícua geração de alunos da década dos noventa, elevando o “nacional porreirismo” a um nível nunca antes alcançado e onde professores ecléticos (leccionam no mínimo 4 cadeiras simultaneamente), conciliam harmoniosamente a sua frenética actividade académica com negociatas no foro privado.

De regresso ao tema em estudo, uma das frases que mais me marcou no filme “O curioso caso de Benjamin Button”, foi:

Daisy: Have you slept with a woman before?

Benjamin Button: Never on a Sunday.

Penso que tenha sido exactamente isso o que ocorreu naquela tarde de Domingo, na secretaria da Independente, quando o benjamim viu a sua “licenciatura” aprovada…

Tal como no filme, o nosso benjamim parece que caminha a passos largos para um avançado estado de demência, onde outrora falara fluentemente inglês (a julgar pelo seu 16 a Inglês Técnico), e se vê agora num balbuciar de palavras num dialecto que ninguém conhece, recusando-se a dialogar com os jornalistas estrangeiros no idioma mais falado em todo o Mundo.

Eu pergunto-me: como é possível o benjamim ainda ser Primeiro-Ministro quando o Governo PSD-PP caiu por muito menos? Estará Portugal melhor governado agora do que aquando da queda desse Governo?

Vejamos: caso adulteração de documentos oficiais; caso projectos na Guarda; caso Freeport (ou Fripór para alguns); caso Sovenco; caso Heron Castillo; caso HLC/Conegil/Cova da Beira; caso DREN; caso SIS; caso Agência Lusa; caso anúncio Antena 1; caso OTA/TGV; caso Independente; caso PSP na sede dos sindicatos; caso Magalhães/J. P. Sá Couto; caso parceria Portugal/Venezuela; etc. São tantos os casos que daria para um compêndio, um almanaque, uma enciclopédia digna do título: “Crónica Dos Bons Malandros 2 – A Estocada Final”!

Portugal vive agora uma realidade ficcionada. Portugal vê as personagens passearem-se nas ruas e não em estúdios de cinema; vê acção 24 horas por dia e não está confinado às estreias de 5ª-feira à noite; assiste ao malhar sádico na direita em vez de malhar na subida vertiginosa do crime violento; vibra com o escândalo; sente o cheiro do medo de quem ousa abrir a boca contra o “Padrinho”; personifica o suspense de quem tem o seu posto de trabalho ameaçado; vive o drama e desespero dos vetados a uma vida de pobreza e subserviência; sente o sabor amargo da fome; sente a frustração de quem não tem dinheiro para satisfazer as necessidades básicas da condição humana; de quem se vê atraiçoado por falsas promessas eleitoralistas não cumpridas…

Esta realidade ficcionada só é possível ao som do megafone a que paulatinamente se converteram os órgãos de comunicação social do Estado. Esta realidade ficcionada tem a chancela do Partido Socialista. Esta realidade ficcionada é inteiramente produzida com o dinheiro do comum contribuinte. Esta realidade ficcionada tem como realizador José Sócrates, o benjamim.

Acorda Portugal, isto não é um filme!

(JSD - Diogo S)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: ARMANDO VARA - O CAIXA ADMINISTRADOR   Sab Out 31, 2009 12:37 pm

O Reporter Indiscreto

RI - Sr.Gamando Vara, o que tem a dizer do processo Massa Oculta?

GV - É mais uma Cabala contra as pessoas íntegras que se esforçam por fazer crescer a economia deste país.

RI - E você faz parte da grupo da Cabala ou das pessoas ìntegras?

GV - Então não se vê logo de que lado estou?

RI - Do lado da Cabala Xuxialista?

GV - Isso é uma infame e vil calúnia.

RI - Mas então a Massa Oculta desaparece sozinha, sem que ninguém meta as mãos nela?

GV - Não respondo pelos outros, só sei que não fui eu!

R I- Isso foi o que também disse o empreiteiro Manel Bigodinho

GV - A sério?

RI - Sim, a única massa em que meteu as mãos foi a de betão!.. massa de papel não era com ele.

GV - Há mais gente sem ser eu!

RI - Sim, o Golpes Barreira, o Pai Penedo e o Penedo Junior.. todos disseram que o Gamando Vara é que estava mais perto desse tipo de massa.

GV - O quê, esses gajos disseram isso?... grandes Ca...

RI - Diga!

GV - Esses grandes Camaradas.. sabem muito bem que ninguém da confiança do Inginhokrates seria capaz duma coisa dessas.. tem de ser outra pessoa qualquer, tipo...

RI - Tipo mexilhão?

GV - Quem é esse?

RI - Normalmente é aquele que fica com as culpas!

GV - E chama-se Mexilhão?

RI - Não, também pode ser o Porteiro

GV - Tenho ideia de ver uma Face Oculta dessas...

RI - Na Sovenco era o Virgílio.

GV - Sovenco?

RI - A do Inginhokrates, aquele do FreePocket

GV - Já não me lembrava!

RI - E da Fundação?

GV - Essa esqueci mesmo!

(Sol - icebreaker)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: ARMANDO VARA - O CAIXA ADMINISTRADOR   Qua Nov 11, 2009 12:31 am

E ainda há quem consiga tirar uma pós graduação antes da licenciatura!!!

Acabei de confirmar no site e está lá, no site institucional do BCP.
Vejam bem os anos de licenciatura e de pós-graduação!!!!!:

Armando António Martins Vara
Dados pessoais:
Data de nascimento: 27 de Março de 1954
Naturalidade: Vinhais - Bragança
Nacionalidade: Portuguesa
Cargo: Vice-Presidente do Conselho de Administração Executivo
Início de Funções: 16 de Janeiro de 2008
Mandato em Curso: 2008/2010 Formação e experiência Académica

Formação:
2005 - Licenciatura em Relações Internacionais (UNI)
2004 - Pós-Graduação em Gestão Empresarial (ISCTE)

Links: http://www.millenniumbcp.pt/ pubs...rticleID=217516
http://www.millenniumbcp.pt/ pubs...rticleID=217516

VÃO RÁPIDO ANTES QUE OS APAGUEM!!

(Portugal Profundo - Vera VF. | 10.11.09 - 3:02 pm)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: ARMANDO VARA - O CAIXA ADMINISTRADOR   Dom Mar 28, 2010 12:04 am

Louçã diz que Vara ganha o dobro de Barack Obama

O líder do Bloco de Esquerda afirmou hoje que Armando Vara ganhou em 2009 duas vezes mais do que o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, e o ex-administrador da PT Rui Pedro Soares «oito vezes mais»

Falando no encerramento de uma conferência internacional do Bloco de Esquerda sobre combate às alterações climáticas, Francisco Louça referiu-se a bónus pagos este ano a gestores de empresas portuguesas «para acrescentar a salários do ano passado».

«Quando os comparamos verificamos: Armando Vara [vice-presidente do BCP com mandato suspenso], duas vezes o salário de Barack Obama; Santos Ferreira (presidente da Caixa Geral de Depósitos), duas vezes o salário de Barack Obama; Belmiro de Azevedo (patrão da SONAE), que tanto nos fala de austeridade, duas vezes o salário de Barack Obama; Rui Pedro Soares [ex-administrador da PT], o homem nomeado pelo Estado, oito vezes o salário de Barack Obama», apontou Louça.

Segundo o líder do Bloco de Esquerda, «é depois esta gente (money for the boys) que nos diz que não pode haver aumentos de salários, que têm de baixar».

Na sua intervenção, Francisco Louça fez um cerrado ataque ao Programa de Estabilidade e Crescimento (PEC), dizendo que o próprio Programa de Governo não previa as privatizações agora inseridas neste plano até 2013.

«No programa de Governo do PS só está prevista uma privatização (num capítulo que trata dos Açores e da Madeira), mas, agora, no PEC, aparecem em catadupa e todas mal explicadas», disse.

Louça insurgiu-se depois especialmente contra a privatização da REN, «empresa pública que em monopólio tem toda a rede de distribuição de alta tensão em Portugal».

«José Sócrates já vendeu 49 por cento da empresa a gente tão diferente como Manuel Champalimaud (que tem negócios de hotelaria no Brasil) ou à Logoplast de Filipe Buton», mas o ministro dos Assuntos Parlamentares veio dizer que a REN continuará maioritariamente pública após a privatização. «O ministro está a dizer-nos que está com fanfarra no PEC a privatização da REN para que menos de um por cento da empresa seja vendida?», interrogou-se o líder do Bloco de Esquerda.

Segundo Louça, talvez por se ter metido neste caso o ministro Jorge Lacão «esteja desaparecido em combate há dois dias, não respondendo a ninguém sobre a privatização da REN».

«Mas, como diz o velho ditado, na ocasião aparece o negócio. E este Governo, quando tem de explicar cada uma das privatizações, não explica», porque se trata de "perder o que é de todos para entregar a alguns, acrescentou.

Antes de Francisco Louçã, o presidente o Grupo Unitário das Esquerdas, o alemão Lothar Bisky, acusou os governos europeus de ainda não terem percebido os motivos do falhanço da última cimeira do ambiente em Copenhaga.

Num discurso com críticas ao presidente da Comissão Europeia, Durão Barroso, e à chanceler germânica, Angela Merckel, o presidente do Grupo Unitário das Esquerdas defendeu que o combate às alterações climáticas é um factor essencial de justiça social.

(Lusa/SOL)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: ARMANDO VARA - O CAIXA ADMINISTRADOR   Sex Jul 02, 2010 10:12 pm

Armando Vara demite-se do BCP

2.07.2010

Armando Vara, um dos arguidos do processo Face Oculta , renunciou aos cargos de administrador e vice presidente do Conselho de Administração executivo que ocupava no Millennium BCP.

Armando Vara apresentou hoje a demissão do cargo de administrador do BCP. Em comunicado, o banco refere que a demissão resultou do "imprevisto arrastamento do processo judicial" em que Vara é arguido, relacionaco com o caso Face Oculta.

Vara encontrava-se suspenso destas funções desde Novembro de 2009, na sequência do seu alegado envolvimento no processo das sucatas, conhecido como Face Oculta.

Desde então manteve-se no banco, a receber, embora sem funções definidas, mas disponível para trabalhar naquilo que o banco entendesse necessário. No entanto, acabou por nunca ter qualquer função, facto que foi alvo de críticas internas, nomeadamente da comissão de trabalhadores do BCP. Nos últimos meses aumentaram as pressões dos orgãos sociais do banco para que Vara se demitisse.

Joe Berardo, um dos maiores acionistas do BCP, confessava em Abril que lhe doía muito "pagar a alguém que não está a trabalhar, mas temos que respeitar os acordos", lembrando que Vara "tinha uma remuneração e tinha um contrato".

Segundo o BCP, "o acordo de saída agora alcançado vai permitir a Vara receber a quantia correspondente à que lhe seria devida até ao termo normal do mandato em curso", ou seja, até ao final do ano.

O BCP refere também que a situação de suspensão de Vara se tornou "inconveniente".

(Expresso)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: ARMANDO VARA - O CAIXA ADMINISTRADOR   Ter Jul 20, 2010 5:32 pm

Processo ‘Face Oculta’ - Vara renuncia ao BCP mas recebe 260 mil.

02.07.2010

Armando Vara anunciou ontem a sua renúncia a todos os cargos que exercia no Millennium/BCP.

Numa carta enviada à Comissão de Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), o banco comunica que a situação de suspensão das funções de Administrador e Vice-presidente do Conselho de Administração Executivo, que durava desde Novembro de 2009, "tornou inconveniente para o interesse social o prolongamento da actual situação de suspensão".

O comunicado refere, ainda, que Vara está impedido de trabalhar noutros bancos até à data do termo normal do mandato (18 de Janeiro de 2011), e que, por isso, o Millennium/BCP continuará a pagar-lhe o ordenado de administrador até ao fim do ano. Vara deverá receber mais de 260 mil euros, uma vez que a sua remuneração fixa anual era de 520 mil.

O CM sabe que não haverá qualquer outra regalia por parte do BCP. "O Dr. Armando Vara é quadro da Caixa Geral de Depósitos e o tempo que passou no BCP contará para a reforma na CGD", disse uma fonte do banco.

(Correio da Manhã)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: ARMANDO VARA - O CAIXA ADMINISTRADOR   Ter Out 05, 2010 2:29 pm

Armando Vara é o novo presidente do Conselho de Administração da Camargo Corrêa África

21.09.2010

Armando Vara é o novo presidente do Conselho de Administração da Camargo Corrêa África, tendo assim a seu cargo as actividades da empresa brasileira em Moçambique e Angola. A informação foi dada por fonte autorizada da Camargo Corrêa, que adiantou que Vara ocupou o cargo no dia 1 de Setembro, tendo viajado para Portugal no dia 14, com regresso previsto para daqui duas semanas a Maputo, onde trabalhará.

Recorde-se que Armando Vara é acusado de vários crimes em Portugal, nomeadamente tráfico de influência e dolo. Ocupava, até início de Julho, o cargo de vice-presidente do Millennium BCP (sócio maioritário do Millennium bim) do qual se terá demitido. Note-se que Vara estava suspenso da administração do BCP desde Novembro de 2009, em razão do processo que corre contra ele em tribunal.

Em Moçambique, a Camargo Corrêa tem 51% de uma cimenteira, mais precisamente em Nacala, num investimento de cerca de

42 milhões de euros, e uma capacidade de produção de 350.000 toneladas por ano. Por outro lado, também actua no ramo da construção civil, no projecto de uma mina de carvão da também brasileira Vale, em Moatize, num investimento de 1,3 mil milhões de dólares.

No sector de energia eléctrica, a Camargo Corrêa detém um contrato de 1,5 mil milhões de dólares para construir a barragem moçambicana de Mphanda Nkuwa.

Em Angola, a Camargo Corrêa trabalha na reabilitação da Estrada Nacional Lubango - Benguela, sendo também responsável pela implementação de acessos na Zona do Porto e de Vias Marginas em Luanda. Desenvolve ainda projectos de incorporação imobiliária e de construções e edificações para comércio e residências.

No início do ano, o grupo brasileiro anunciou a construção de uma cimenteira em Angola, num investimento de 200 milhões de dólares, em parceria com a angolana Gema e a Escom, do grupo Espírito Santo.

(Sol)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: ARMANDO VARA - O CAIXA ADMINISTRADOR   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
ARMANDO VARA - O CAIXA ADMINISTRADOR
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» esquema caixa amplificada oneal OCM-126
» {RESOLVIDO}esquema da caixa profissional multiuse oneal audio mod;ocm-50
» ( resolvido)CAIXA DE SOM PROJECT MUSIC MOD. MEGA 550
» ESQUEMA CAIXA DE SOM ONEAL OCM 350
» esquema caixa amplificada multiuso lenoxx modelo ca 311

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
A LIBERDADE É AMORAL :: GRANDES PORTUGUESES-
Ir para: