A LIBERDADE É AMORAL

Local de discussão livre sobre todos os temas sociais.
 
InícioInício  CalendárioCalendário  FAQFAQ  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-seConectar-se  

Compartilhe | 
 

 MANUEL ALEGRE - O CAMALEÃO VAIDOSO

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
Ir à página : 1, 2  Seguinte
AutorMensagem
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: MANUEL ALEGRE - O CAMALEÃO VAIDOSO   Ter Jul 14, 2009 5:17 pm

Já disse e repito, que o Manuel Alegre nunca será um grande Homem...

Esta figura merece ter aqui um cantinho...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: MANUEL ALEGRE - O CAMALEÃO VAIDOSO   Ter Jul 14, 2009 5:18 pm

Manuel Alegre recusará reedição do Bloco Central ou qualquer aliança à direita

O histórico socialista Manuel Alegre volta a lançar avisos ao PS de José Sócrates. "Recusaremos a reedição do Bloco Central ou de qualquer outra forma de aliança à direita", escreve no editorial do número 4 da revista "Ops!", que será lançada esta tarde na livraria do Círculo das Letras. "Continuaremos a bater-nos, dentro e fora do PS, por uma alternativa socialista ao neo-liberalismo ainda dominante", acrescenta.

Apenas três dias depois de um duro artigo de opinião publicado no "Expresso" onde pedia um acordar urgente do PS, o ex-candidato presidencial volta a criticar o seu partido por "ouvir ex-ideólogos da direita" mais do que "escutar a opinião socialista dos que, dentro do PS, não desistem de pensar à esquerda".

Manuel Alegre vê as próximas eleições como uma "ofensiva ideológica da direita contra as metas sociais consagradas na Constituição" e não parece ver no seu partido uma autêntica alternativa de esquerda. Sobretudo por ter escolhido para redigir o seu programa eleitoral António Vitorino, decisão que Alegre já criticou publicamente.

A crítica implícita ao papel que Vitorino ocupa no partido surge ainda na referência à Fundação Res Publica, dirigida por aquele advogado. Ao afirmar que a revista "Ops!" lançou quatro números em apenas um ano, cada um com "pistas e propostas que podiam constituir uma importante contribuição para um programa" eleitoral, Alegre compara-a com as outras estruturas: "Nenhuma outra corrente política, nem o próprio PS, através das suas fundações ou iniciativas criadas para o efeito, conseguiu realizar trabalho semelhante".

Por isso afirma que a revista "OpS!" e a "Corrente de Opinião Socialista", que ele próprio criou, "ocupam o seu lugar no combate pela defesa de uma democracia em que direitos sociais sejam inseparáveis dos direitos políticos". "Lutaremos pela Escola Pública, pelo Serviço Nacional de Saúde e pela Segurança Social Pública. Mas também por uma revisão do Código Laboral, pela transparência das decisões dos poderes públicos e pelo direito ao território", acrescenta.

"Pensamos, como Antero de Quental, que não se pode viver sem ideias. E que não é possível renovar a democracia sem ideias novas e sem debate ideológico", escreve Manuel Alegre.

Ontem à noite, no seu comentário semanal na RTP, António Vitorino considerou que Manuel Alegre, com o artigo do "Expresso", se afasta cada vez mais do PS. "Dizer que a solução passa por uma alteração das políticas e das pessoas marca um distanciamento em relação à candidatura próxima nas legislativas do PS que me parece estar para além do que se me afigurava ir ser a conduta de Manuel Alegre, ou seja, privilegiar a construção de um perfil presidencial", afirmou António Vitorino.

(Público)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: MANUEL ALEGRE - O CAMALEÃO VAIDOSO   Ter Jul 14, 2009 5:23 pm

PS - Um Manuel Alegre sem rumo e um António Costa aflito

As coisas estão pretas no Largo do Rato. O PS está a escaqueirar-se todo.
Manuel Alegre sabe perfeitamente que o PS não tem ideologia a não ser a de ter o Poder.
O PS hoje não é um partido de Esquerda, a não ser quando faz a apologia dos homossexuais, dos casamentos homossexuais e do aborto.No mais é de ultra direita.
O PS foi o maior algoz da classe média portuguesa e destruiu grande parte das regalias dos trabalhadores, nomeadamente o direito ao emprego estável, com condições dignas, o direito à saúde, o direito à educação.
De tal forma têm sido grave as políticas do PS que nunca se assistiu desde 1985 a tamanho surto de emigração, sangrando Portugal e hipotecando o futuro dos portugueses.
Na educação, para além das trapalhadas do Magalhães - que não serve para grande coisa a não ser para as crianças jogarem na internet - as novas oportunidades é um fiasco, como a Universidade Católica constatou.
O PS foi ingénuo ao ponto de pensar que o Mundo real, as entidades empregadoras, aceitariam "canudos" de aviário, ou como disse o Prof. Marcelo Rebelo de Sousa, tirados na Farinha Amparo.
Manuel Alegre que há 34 anos está na Assembleia da República- já com o tempo de Constituinte - está completamente fora do Mundo Real. Nada mais fez nestes 34 anos e por isso o seu saber é meramente livresco, de poeta, de prosador.
Só que o Mundo não é só isso e quando se é deputado é necessário conhecer o Mundo Real, a economia, ter experiência autárquica, governativa, nas empresas públicas ou privadas.
Manuel Alegre cristalizou na AR e procura agora a ilha da Utopia, da Utopia de Esquerda, que o PS não é desde que Mário Soares meteu o Socialismo na gaveta.
Foi mais fácil ao navegador português Rafael Hitlodeu encontrar a ilha da "Utopia" que significa "ilha de parte nenhum" , do grego "Ou-topus", na bela obra de ficção "A Utopia" , de Tomás Morus, que Manuel Alegre encontar a esquerda no PS!
António Costa nunca teceu críticas ao Governo PS. Aparece agora que o PS perdeu as eleições - e quando ele António Costa se arrisca a perder a Câmara Municipal de Lisboa e já sabe que não será deputado - a desancar o Governo, procurando espaço no interior do PS e tentar levar a que os lisboetas acreditem que é um homem novo!!! O PS tem uma propensão marginal para acreditar que o Povo é estulto...
Além de ser extemporânea a crítica soa a punhal nas costas do PS!
Acresce que Lisboa não melhorou em nada com António Costa e com o seu nóvel amigo Sá Fernandes, o homem que prejudicou os lisboetas com as providências cautelares contra o Túnel do Marquês e lhes fez a vida num Inferno.
Aliás, Lisboa está uma cidade suja, esburacada nas ruas - veja-se a baixa que parece solo lunar nas Rua do Ouro e da Prata , nas Avenidas Novas - sem vida nocturna, com uma Av. da Liberdade que à noite morre, com a Feira Popular aos ratos, com o Parque Mayer em escombros.
O Parque Mayer que não tem vida por culpa do PS e de Jorge Sampaio que se opôs a que o casino Lisboa ali ficasse e dinamizasse toda a zona.
Uma visão provinciana do que é um casino hoje e sem olhar para a vitalidade do Estoril, precisamente por causa do Casino!

Em conclusão: Pode-se dizer que o PS está a implodir depois de ter explodido.

Por isso, NÃO VOTAR PS É DEVER DOS PORTUGUESES.

Portugal!

(José Maria Martins)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: MANUEL ALEGRE - O CAMALEÃO VAIDOSO   Ter Jul 14, 2009 5:25 pm

O que quer Manuel Alegre?

Afinal Manuel Alegre além da sua obcessão pela Presidência da República, o que é que pretende de facto?
Com maior ou menor esforço, sempre percebi a sua poesia - mas nestes ultimos tempos no plano politico não o consigo entender.
Antes do último acto eleitoral produziu inumeras declarações, todas titubeantes e envoltas em enigmas, reaparecendo agora, como na última do Expresso enveradando pela ligeireza retórica, metendo esquerda e suposta esquerda, tudo no mesmo saco - ainda por cima com a desfaçatez de se pôr fora do saco.
Com que raio de esquerda o Senhor sonha - enquanto o PS não deixar de concorrer com o PSD, na já velha disputa, em que ambos pretendem provar qual é o melhor e mais eficaz leiloeiro do país.

(O Broncas)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: MANUEL ALEGRE - O CAMALEÃO VAIDOSO   Ter Jul 14, 2009 5:28 pm

Duelo entre Manuel Alegre e Ana Gomes

Manuel Alegre, no alto do seu pedestal, decidiu entrar na onda da censura às candidaturas duplas para conquistar mais a simpatia dos portugueses que continuam a ver nele um iluminado e uma excepção entre muitos. Para o efeito, Alegre desceu à Terra e exortou Ana Gomes e Elisa Ferreira a optarem pelos cargos autárquicos ou pelo Parlamento Europeu.

Ana Gomes, ao contrário de outros socialistas, mostrou que não é vassala do ansião da aldeia cor-de-rosa e respondeu-lhe (bem, refira-se) recordando que nas Presidenciais de 2006 Alegre era Deputado à Assembleia da República e candidatou-se à Presidência da República, verificando-se, também aqui, uma dupla candidatura. 1-0 para Gomes.

O poeta deu uma resposta no mínimo anedótica, alegando que "a candidatura presidencial é um acto pessoal que pode ou não ser apoiada por um partido".

Excelentíssima Ana Gomes, embora não esteja mandatado para o efeito, permita-me fazer o 2-0 a seu favor: sou contra as duplas candidaturas e subscrevo na íntegra o artigo publicado neste espaço sobre o tema. No entanto, a candidatura aos municípios, tal como a presidencial, constitui um acto pessoal que pode ou não ser apoiada por um partido (veja-se o caso das listas independentes nas autárquicas). Manuel Alegre só não foi apoiado pelo PS porque à última da hora lhe passaram a perna. O mesmo sucedeu com as candidaturas de Isaltino Morais, Valentim Loureiro, Fátima Felgueiras, entre outros, com os respectivos partidos.

A questionar-se a falta de moral de Ana Gomes na sua dupla candidatura, também se deverá questionar a mesma em Manuel Alegre. As situações são exactamente as mesmas, apenas mudam os cargos que estão em causa. Manuel Alegre acaba de sair derrotado de uma pequena guerrilha interna que o próprio iniciar.

(Ferreira)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: MANUEL ALEGRE - O CAMALEÃO VAIDOSO   Qui Jul 16, 2009 4:59 pm

Alegre e Sócrates

No dia seguinte às eleições de Outubro, o PS vai entrar numa imediata convulsão interna.

Um dos mistérios actuais da política nacional é este: quais as verdadeiras intenções de Manuel Alegre? O que quer ele? Quer voltar a ser candidato presidencial, único à esquerda, unindo comunistas, bloquistas e socialistas contra Cavaco? Quer ser líder do PS depois das eleições, sucedendo a Sócrates? Ou quer apenas obrigar o PS a deixar cair Sócrates depois das eleições, substituindo-o por alguém "mais à esquerda", embora não por ele, Alegre?

É de facto um mistério... Por um lado, Alegre não cessa de atacar o governo de Sócrates, como não cessou nunca ao longo destes quatro anos, o que pode fazer sentido para quem quer unificar a esquerda pela via dupla do coração e da ideologia, preparando-a para uma candidatura presidencial futura. Por outro, nas últimas semanas, Alegre dividiu-se em novos movimentos, aparentemente contraditórios.

Ao mesmo tempo que recusou fazer parte das listas de deputados do PS, o que indica uma desistência da tribuna parlamentar, diminuindo as suas possibilidades de lutar pela liderança do partido depois das eleições; Alegre multiplicou-se em declarações ferozes contra Sócrates. Sábado, no ‘Expresso’, defendeu que o PS não só deve mudar de orientação política, como deve mudar de "pessoas", e é em Sócrates que ele pensa. Na terça, numa revista de nome estranho, diz que recusa qualquer "reedição do Bloco Central, ou outras soluções à direita".

Estas palavras são um aviso grave a Sócrates, e prometem um futuro negro para o primeiro-ministro. Daqui até às eleições de Outubro, Sócrates não terá só de lutar contra a campanha contra si dos outros partidos, mas também contra Alegre e as suas ideias, que correm por fora a pensar no futuro. O primeiro-ministro nunca poderá dizer que não sabe com o que conta, mas nunca os seus adversários, internos e externos, tiveram tanta força.

No dia seguinte às eleições, não terá apenas de se confrontar com uma mais do que provável perda da maioria absoluta, mas também com uma guerra aberta à sua pessoa e às suas possíveis estratégias de aliança governamental. Mesmo que fique à frente do PSD em Outubro, o que o PS promete ao país é pois uma imediata e imprevisível convulsão interna, uma batalha entre os que querem manter Sócrates e os que o querem dali para fora, uma guerra entre os que admitem alianças à direita e os que só as admitem à esquerda. Embora Alegre faça parte do futuro do PS, o que o PS promete ao país é um futuro muito pouco alegre.

(Domingos Amaral - Director da GQ)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: MANUEL ALEGRE - O CAMALEÃO VAIDOSO   Sab Ago 01, 2009 5:16 pm

Mesmo na noite mais triste
em tempo de servidão
há sempre alguém que resiste
há sempre alguém que diz não.

(Manuel Alegre)



A quem é que o Manuel Alegre se estaria a referir quando escreveu isto?...

Ele não é certamente...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: MANUEL ALEGRE - O CAMALEÃO VAIDOSO   Dom Ago 02, 2009 12:57 pm

Manuel Alegre diz que o PS vai "mutilado" às legislativas

Histórico socialista critica ausência dos seus apoiantes nas listas às eleições de Setembro e afirma que esta situação é uma "retaliação política" do PS. José Lello responde que "não há retaliação nenhuma" e que ninguém tem prerrogativas específicas face às regras definidas no estatuto do partido

Manuel Alegre queixa-se de "retaliação política" por parte do PS, devido à não inclusão de qualquer um dos seus apoiantes nas listas do partido às próximas eleições legislativas. O histórico socialista afirma que esta situação vai "naturalmente" condicionar a sua participação na campanha eleitoral e acrescenta que o PS "vai gravemente mutilado" às eleições de Setembro.

Declarações feitas ao semanário Expresso, que o dirigente socialista José Lello contraria. Manuel Alegre "não tem razão", afirmou ao DN - "Não há retaliação nenhuma, há regras democráticas, é assim que funcionam os partidos". Membro do secretariado nacional dos socialistas, Lello defende que "as listas de deputados foram feitas de forma transparente, democrática" e que ninguém tem o direito de veto ou de, "em prerrogativa específica", alterar as regras estatutárias.

"Na base da indicação dos candidatos estão as estruturas do partido e de acordo com os estatutos o secretário-geral tem uma quota de 30%. Os apoiantes de Manuel Alegre não foram nomeados pelas estruturas do partido. Certamente que não quereria que o fosse o secretário-geral a indicá-los", acrescenta o também deputado.

Ao Expresso Alegre diz ter tido a esperança que nomes como o do professor universitário José Faria Costa ou o coordenador do MIC João Correia integrassem as listas do partido às legislativas. O que não se concretizou. "Todos os que me apoiaram ficaram de fora. Politicamente não estou representado nestas listas", aponta o ex-candidato presidencial, lamentando que nem entre os membros do Movimento Intervenção e Cidadania (MIC), nem entre a corrente de Opinião Socialista haja qualquer apoiante seu entre os candidatos. Ainda assim, Alegre admite ter "alguns amigos em posição de destaque" nas listas - caso do líder parlamentar, Alberto Martins, número um pelo Porto, uma indicação à qual Alegre não foi alheio, ao ameaçar afastar-se completamente da campanha, caso o primeiro lugar na Invicta fosse dado ao ministro das Finanças, Teixeira dos Santos.

De acordo com o Expresso Online o deputado condena ainda que o PS tenha optado por "escolhas de puro espectáculo" como a do ex-bloquista Miguel Vale de Almeida.

Uma crítica à qual José Lello contrapõe que "política de espectáculo é estar a criticar uma opção de abertura e renovação". O também deputado visa ainda "aqueles que fazem espectáculo no sentido de tentar que as suas prerrogativas se imponham". O DN tentou ontem contactar Alegre e Vale de Almeida. Sem sucesso.

(Diário de Notícias)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: MANUEL ALEGRE - O CAMALEÃO VAIDOSO   Qua Ago 12, 2009 8:56 pm

Pergunto ao vento que passa
noticias do meu país
e o vento cala a desgraça
e vento nada me diz.

Pergunto aos rios que levam
tanto sonho à flor das águas
e os rios não me sossegam
levam sonhos deixam mágoas.

Levam sonhos deixam mágoas
ai rios do meu país
minha pátria à flor das águas
para onde vais? Ninguem diz.

Se o verde trevo desfolhas
pede noticias e diz
ao trevo de quatro folhas
que morro por meu país.

Pergunto à gente que passa
porque vai de olhos no chão.
Silencio - é tudo o que tem
quem vive na servidão.

Vi florir os verdes ramos
direitos e ao céu voltados.
E a quem gosta de ter amos
vi sempre os ombros curvados.

E o vento não me diz nada
ninguem diz nada de novo.
Vi minha pátria pregada
nos braços em cruz do povo.

Vi minha pátria na margem
dos rios que vão pr'o mar
como quem ama a viagem
mas tem sempre de ficar.

Vi navios partir
(minha pátria à flor das aguas)
vi minha pátria florir
(verdes folhas verdes mágoas).

Há quem te queira ignorada
e fale pátria em teu nome.
Eu vi-te crucificada
nos braços negros da fome.

E o vento não me diz nada
só o silencio persiste.
Vi minha pátria parada
à beira de um rio triste.

Ninguém diz nada de novo
se noticias vou pedindo
nas mãos vazias do povo
vi minha pátria florindo.

E a noite cresce por dentro
dos homens do meu país.
Peço noticias ao vento
e o vento nada me diz.

Mas há sempre uma candeia
dentro da propria desgraça
ha sempre alguem que semeia
canções do vento que passa.

Mesmo na noite mais triste
em tempo de servidão
há sempre alguem que resiste
há sempre alguem que diz não.

(Trova do Vento que Passa - Manuel Alegre)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: MANUEL ALEGRE - O CAMALEÃO VAIDOSO   Sab Set 12, 2009 11:57 pm

Abaixo el-rei Sebastião

É preciso enterrar el-rei Sebastião
é preciso dizer a toda a gente
que o Desejado já não pode vir.
É preciso quebrar na ideia e na canção
a guitarra fantástica e doente
que alguém trouxe de Alcácer Quibir.

Eu digo que está morto.
Deixai em paz el-rei Sebastião
deixai-o no desastre e na loucura.
Sem precisarmos de sair o porto
temos aqui à mão
a terra da aventura.

Vós que trazeis por dentro
de cada gesto
uma cansada humilhação
deixai falar na vossa voz a voz do vento
cantai em tom de grito e de protesto
matai dentro de vós el-rei Sebastião.

Quem vai tocar a rebate
os sinos de Portugal?
Poeta: é tempo de um punhal
por dentro da canção.
Que é preciso bater em quem nos bate
é preciso enterrar el-rei Sebastião.

(Manuel Alegre)

PS: Será dedicado a Sócrates?...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: MANUEL ALEGRE - O CAMALEÃO VAIDOSO   Ter Set 15, 2009 1:58 pm

Alegre colabora com PS

O ex-candidato presidencial Manuel Alegre manifestou ontem disponibilidade para participar na campanha das eleições Legislativas ao lado do secretário-geral do PS, José Sócrates.

"Se acharem que posso ser útil, estou disponível para dar um sinal. Se for preciso fazer alguma coisa com José Sócrates, fá-lo-ei", declarou o antigo deputado. E acrescentou: "Se participar na campanha, vou fazê-lo pelo PS e não pelos meus amigos. Não vou fazer campanha como se fosse candidato a deputado pelo PS, mas estou disponível para dar alguns sinais."

Fonte da direcção do PS adiantou que o ex-vice-presidente da Assembleia da República é um dos oradores do comício dos socialistas em Coimbra, no próximo sábado, dia 19, cujo círculo eleitoral tem como cabeça-de-lista a actual ministra da Saúde, Ana Jorge.

(Lusa)


PS: O importante é continuar a mamar...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: MANUEL ALEGRE - O CAMALEÃO VAIDOSO   Ter Nov 24, 2009 3:10 pm

“Há que repor a decência na vida política”

Manuel Alegre afirmou ontem que "não se pode combater o crime com soluções que desrespeitam um Estado de Direito", numa clara crítica ao funcionamento do sistema judicial.

Para o histórico socialista, que falava à margem da apresentação do livro ‘Ideias para Grandes Decisões’ (com textos da revista ‘Ops!’), "há que repor a decência na vida política e restabelecer a confiança e credibilização [das instituições]". "Responsáveis políticos e da Justiça não se podem misturar", observou.

(Correio da Manhã)

PS: "Bem prega Frei Tomás, faz o que ele diz, não faças o que ele faz."
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: MANUEL ALEGRE - O CAMALEÃO VAIDOSO   Sex Jan 08, 2010 12:18 am

Onde já vi este Filme?...

"NÃO SOU UM AVENTUREIRO, MAS ASSUMIREI AS MINHAS RESPONSABILIDADES"
(Manuel Alegre referindo-se à sua candidatura à Presidência)

"Eu esperava que Alegre fosse, agora, o tal homem livre de que se fala nos poemas. O homem das causas numa época com falta delas. Mas Alegre, traído e atropelado por um PS sem memória, interesseiro e mercantil, nada pôde e nada quis contra a vaidade do pai Soares e a passadeira do Sócrates filho. Manuel faz birra, mas come a sopa. Da panela."
(Miguel Carvalho, in Visão)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: MANUEL ALEGRE - O CAMALEÃO VAIDOSO   Qua Jan 20, 2010 1:45 pm

Como militar colaborava com o "inimigo"...
Como português, cuspia na bandeira...
Como libertador dos povos de Àfrica, abandonou-os à sua sorte..
Como comunista, passou-se para o PS...
Como socialista, anda de mão dada com o Xico Louças...
Que mais se pode esperar de um lunático que só passou por Coimbra para cantarolar entre fados e guitarradas, gastando dinheiro ao Estado para um curso que nunca acabou...

(Sol - icebreaker, em 2010-01-17)


Última edição por Anarca em Qua Jan 20, 2010 5:41 pm, editado 2 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: MANUEL ALEGRE - O CAMALEÃO VAIDOSO   Qua Jan 20, 2010 2:09 pm

Cheiravam melhor aqueles que se borravam e mijavam, mas permaneciam no campo de batalha, do que os que fugiam cobardemente, às vezes escorregando na própria merda que largavam, para se refugiarem num exilio dourado, e que actualmente só cagam postas de robalo.

(Sol - Aderitos, em 2010-01-15)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: MANUEL ALEGRE - O CAMALEÃO VAIDOSO   Qua Fev 10, 2010 7:58 pm

"Manuel, o Alegre

Edificante! E andamos nós a incensar tal personagem!

Com palavras simples, puras, vividas...

" Conheço este problema pessoalmente. Estava em Luanda, quando Alegre se pirou. Mais tarde, quando entrei prá "guerra" o meu Batalhão foi colocado em Nóqui, lá em cima, encostado ao Zaire, junto à fronteira com Matadi. Nessa
região ouvia-se através dos famosos rádios portáteis Hitachi, com uma boa onda média, a voz de Matadi e a voz da Argélia, emissores criados por desertores que, através de infiltrados nas forças armadas, denunciavam as n/operações. Muitas das emboscadas que sofremos resultaram da traição desses "grandes filhos da puta ". Uma das vozes que se ouvia era a desse pulha, Pateta Alegre. Lembro-me que 48 horas após se ter instalado um posto de observação, um grupo de combate, um canhão, um radar no cimo do morro de Noqui, donde nós observávamos toda a movimentação de aproximadamente, 2.000 "turras" concentrados numa sanzala no outro lado da fronteira, ouviu-se a voz do Alegre a denunciar a nossa posição. Andámos a levar porrada na estrada entre S.Salvador e Nóqui durante mais de 4 meses.
Numa das viagens sofremos 9 ataques. Um dia, em Nóqui, junto ao Rio, onde se situava o nosso aquartelamento, o então Tenente-Coronel Isaltino, mandou tocar a formar. Formou-se o Batalhão e o corneteiro tocou a sentido, fez-se silêncio chegou o Tem.Coronel e disse: o furriel Marta (mulato) dê um passo em frente. O sacana era o informador. Fazia-o através dum preto que era vendedor das célebres colchas congolesas, em Nóqui. Nesta guerra a Pide teve um papel muito importante. Informávamo-nos dos movimentos desses traidores. Bem.. não sei se estás a ver. o cabrão não foi linchado porque foi imediatamente evacuado para Luanda. Cerca de 2 anos depois, estava eu ainda na guerra ouvi a voz deste traidor nas rádio Maatadí. Tinha fugido das cadeias de Luanda. Sofri no corpo os efeitos da atitude desses traidores.

Paulo Chamorra"

(Braganza Mothers)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: MANUEL ALEGRE - O CAMALEÃO VAIDOSO   Ter Mar 09, 2010 2:56 pm

«Manuel Alegre, de voz forte, timbre inconfundível, prosa escorreita, mostrou-se uma mistura de Perón, Fidel e Newt Gingrich, o que é populismo bastante, e suficiente, para empolgar qualquer plateia. Vai ser um caso sério nestas presidenciais, não para Cavaco, mas para Soares, Jerónimo e Louçã. Um homem que exige o cumprimento do que de mais esquerdista e desadequado existe na Constituição, com a introdução nas escolas da bandeira e Organização Política do Estado, mais a Pátria cantada, a tradição e um pacto social e económico, é o populista que faltava nesta campanha presidencial.»

Luís Delgado , in Diário de Notícias
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: MANUEL ALEGRE - O CAMALEÃO VAIDOSO   Dom Abr 11, 2010 7:57 pm

Manuel Alegre formaliza candidatura até ao fim do Abril

Manuel Alegre comunicou hoje aos apoiantes reunidos em Lisboa que anunciará a formalização da candidatura até ao fim do mês de Abril. Manuel Alegre considerou que "o tempo de avaliação está esgotado". Lembrando que "a sua casa política é o Partido Socialista, mas que a sua candidatura é supra-partidária" reiterou que "a sua decisão é pessoal e não está dependente de ninguém."

(Público)


PS: ''Vadre reto Satanás''
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: MANUEL ALEGRE - O CAMALEÃO VAIDOSO   Qua Abr 28, 2010 5:27 pm

Alegre formaliza candidatura à presidência nos Açores

Manuel Alegre estará na ilha de S. Miguel no próximo dia quatro de Maio.

Manuel Alegre deverá formalizar a sua candidatura à Presidência da República no dia quatro de Maio, durante uma cerimónia em Ponta Delgada.

Segundo o mesmo anunciou no passado dia dez de Abril em Lisboa, ainda que a sua casa política seja o PS, esta candidatura em breve formalizada, será "supra-partidária e não estará dependente de ninguém".

Segundo comunicado, a candidatura do histórico socialista será apresentada no próximo dia quatro de Maio, no salão nobre do Teatro Micaelense, pelas 18h30".

As razões da escolha dos Açores para a formalização da candidatura são ainda desconhecidas. Alegre afirma que "as razões por que escolhi esta data e os Açores para formalizar a minha candidatura serão explicadas no local", acrescentando ter "com os Açores uma grande ligação cultural, política e afectiva”.

De salientar ainda que entre os principais apoiantes da candidatura presidencial de Manuel Alegre está o Presidente do Governo Regional dos Açores, Carlos César.

(Jornal Diário)

PS: O País em plena crise Económica e o homem a pensar no tacho...


Última edição por Anarca em Seg Ago 09, 2010 7:09 pm, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
The Great Mexican Virus

avatar

Mensagens : 69
Data de inscrição : 07/06/2009

MensagemAssunto: Re: MANUEL ALEGRE - O CAMALEÃO VAIDOSO   Qua Abr 28, 2010 8:30 pm

Para quê perdermos tempo com candidatos inúteis, se hã sempre um voto em branco que espera por nós?!?!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: MANUEL ALEGRE - O CAMALEÃO VAIDOSO   Seg Maio 03, 2010 6:10 pm

Manuel Alegre defende investimentos públicos como meio de combate à crise

O candidato presidencial Manuel Alegre defendeu hoje os investimentos públicos como meio de combate à crise e lamentou que a União Europeia tenha tido «dificuldade» em «acudir aos países que estão a ser alvo de um ataque especulativo»

Em declarações aos jornalistas, à margem da 5ª Conferência da Cooperativa Militar, em Lisboa, o também ex-dirigente socialista frisou que «tem que haver rigor técnico, tem que haver rigor financeiro; agora o combate à crise precisa também de investimentos públicos».

«Estou sempre a citar o presidente [norte-americano] Roosevelt quando, em 1929, ele utilizou como uma arma fundamental para combater a crise e evitar o colapso os investimentos públicos», lembrou o histórico socialista.

Manuel Alegre considerou também que o apoio financeiro de 110 mil milhões de euros que a União Europeia acordou conceder à Grécia é um ato de «solidariedade» e esta «tem de ser distribuída por todos».

«Nós, se calhar, também vamos precisar da solidariedade dos outros», aventou.

Questionado pelos jornalistas sobre se acredita neste cenário, o candidato presidencial retorquiu: «se não acreditar nisso tenho de deixar de acreditar na União Europeia».

A União Europeia (UE) «tem de ser um projecto político, um projecto de coesão económico-social e um projecto de solidariedade», argumentou Manuel Alegre.

Pelo que lamentou que a UE tenha «acorrido tão depressa para salvar a banca do colapso e agora tenha tanta dificuldade em acudir aos países que estão a ser alvo de um ataque especulativo, como a Grécia e como Portugal».

A 5ª Conferência da Cooperativa Militar, cujo primeiro módulo é dedicado ao tema Portugal Militar em África (1961-74), decorre hoje e amanhã em Lisboa.

Antes de Manuel Alegre a conferência teve como orador o embaixador João Nunes Barata, que evocou e analisou o isolamento político internacional de Portugal em vésperas do 25 de Abril de 1974, a propósito da questão colonial, perante uma escassa audiência de cerca de 30 pessoas.

(Lusa / SOL)


PS: Este pueta viveu sempre à custa do "investimento público"...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: MANUEL ALEGRE - O CAMALEÃO VAIDOSO   Ter Maio 11, 2010 10:25 pm

Alegre ameaça processar quem põe em causa o seu serviço militar

O candidato presidencial Manuel Alegre divulgou terça-feira no seu site o registo de cumprimento do seu serviço militar e adiantou que irá processar judicialmente quem, a «coberto do anonimato», tem levantado dúvidas sobre esta matéria

«Para conhecimento de quem estiver interessado, divulga-se o registo do serviço militar de Manuel Alegre de Melo Duarte, que pode ser confirmado pelas entidades competentes, nomeadamente o Estado Maior do Exército», refere uma nota publicada no site www.manuelalegre.com.

Na parte final da nota, após serem enumerados todos os passos da carreira militar de Manuel Alegre, «nomeadamente em África e em situações de combate», a candidatura do ex-vice-presidente da Assembleia da República deixa um aviso aos sectores que têm levantado dúvidas sobre este período da vida de Alegre.

Manuel Alegre «não tem nada a esconder, ao contrário dos cobardes que espalham calúnias a coberto do anonimato e contra os quais não deixará de agir judicialmente», refere a nota.

(Lusa / SOL)


PS: Quando eles ameaçam com um Processo...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: MANUEL ALEGRE - O CAMALEÃO VAIDOSO   Ter Maio 11, 2010 10:27 pm

Acabei de ler o curriculum militar de Manuel Alegre onde é dado relevo a algumas tarefas militares.
Subitamente foi preso e não explica porquê.
Diz que foi acusado de tentativa de golpe de estado...
Seria bom, para que o povo pudesse julgar que Manuel Alegre dissesse o que efectivamente fez para ter o tratamento que teve.
Há quem diga que passava informações ao inimigo. - É verdade?
Se não o que fez para ser tratado de forma tão especial pelas autoridades militares e policiais na altura.

(Sol - legru, em 2010-05-11)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: MANUEL ALEGRE - O CAMALEÃO VAIDOSO   Ter Maio 11, 2010 10:31 pm

Há muita coisa pouco clara que o cv da sua página não esclarece. Só a título de exemplo: Que estudos fez realmente em Coimbra!? Porque razão foi preso em Luanda? O que fez realmente em Argel!? há muita nebulosidade no seu percurso... para confusões já basta sócrates. Alguém que se apresenta a votos como candidato ao mais alto cargo da Nação tem de ser claro. O povo português precisa de conhecer em quem vota. É o mínimo...

(Sol - AAC, em 2010-05-11)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: MANUEL ALEGRE - O CAMALEÃO VAIDOSO   Ter Maio 11, 2010 10:33 pm

Pág. 1/3

Ai! Ai! Estou com tanto medo que me tremem as pernas!
Mas vamos aos factos:

"Sobre o desertor Manuel Alegre
Aqui fica um contributo do chefe Abílio Augusto Pires, escrito já há uns anos, para a biografia do conhecido desertor.

"Alguns elementos sobre o Bando de Argel"
Natural de Águeda ou arredores, Manuel Alegre fez a sua vida académica em Coimbra. Descendente de uma classe “média-alta” fez a vida normal de estudante de Coimbra, um tanto boémia e, nesse sentido, um tanto tradicionalista. Cedo se virou para a política o que, no ambiente de Coimbra, também era tradicional. Militou na “organização local” do p.c.p. e estou à vontade para afirmá-lo porque fui eu próprio quem desmantelou essa organização. Dos seus elementos com alguma responsabilidade ficaram dois: Silva Marques, hoje deputado do P.S.D. que, embora fosse estagiário de advocacia em Aveiro, vivia já numa situação de semi-clandestinidade, e o Manuel Alegre. Mas ficaram por razões diferentes. O primeiro, Silva Marques, porque mergulhou na clandestinidade e viria depois a fixar-se na Itália, onde entrou em litígio com o “partido” do qual veio a ser expulso, após ter feito várias autocríticas que, de resto, conheci. Manuel Alegre também escapou mas porque estava a prestar serviço militar no R.I. 12 (Regimento de Infantaria nº12) situado precisamente em Coimbra e já mobilizado para Angola, como alferes miliciano." (...)

cont...

(Sol - Freda, em 2010-05-11)


Última edição por Anarca em Ter Maio 11, 2010 10:39 pm, editado 2 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: MANUEL ALEGRE - O CAMALEÃO VAIDOSO   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
MANUEL ALEGRE - O CAMALEÃO VAIDOSO
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 2Ir à página : 1, 2  Seguinte
 Tópicos similares
-
» Onde comprar massa pré assada em Porto Alegre RS
» ESPECIALIZAÇÃO PARA PIZZAIOLOS EM PORTO ALEGRE
» procuro fornecedor de massa pré assada em porto alegre rs
» Equipamentos semi-novos para pizzaria em Porto Alegre!
» PRECISO URGENTE DE FORNECEDOR DE EMBALAGENS EM PORTO ALEGRE OU REGIAO!!!

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
A LIBERDADE É AMORAL :: GRANDES PORTUGUESES-
Ir para: