A LIBERDADE É AMORAL

Local de discussão livre sobre todos os temas sociais.
 
InícioInício  CalendárioCalendário  FAQFAQ  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-seConectar-se  

Compartilhe | 
 

 MOMENTO DE CULTURA...

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9, 10  Seguinte
AutorMensagem
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: MOMENTO DE CULTURA...   Sex Out 15, 2010 7:14 pm

A IMPORTÂNCIA DA VÍRGULA

Vírgula pode ser uma pausa..... ou não.
Não, espere.
Não espere.

Ela pode sumir com seu dinheiro.
23,4.
2,34.

Pode ser autoritária.
Aceito, obrigado.
Aceito obrigado.

Pode criar heróis.
Isso só, ele resolve.
Isso só ele resolve.

E vilões.
Esse, juiz, é corrupto.
Esse juiz é corrupto.

Ela pode ser a solução.
Vamos perder, nada foi resolvido.
Vamos perder nada, foi resolvido.

A vírgula muda uma opinião.
Não queremos saber.
Não, queremos saber.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: MOMENTO DE CULTURA...   Dom Out 17, 2010 10:54 pm

A Charada de Einstein

No final do século passado, Enstein propôs um problema que, segundo ele, 98% das pessoas não seriam capazes de resolver.

Há cinco casas de diferentes cores. Em cada casa mora uma pessoa de uma diferente nacionalidade. Os cinco proprietários bebem diferentes bebidas, fumam diferentes tipos de cigarros e têm diferentes animais de estimação.

Quem tem um peixe?

1. O Inglês vive na casa vermelha.
2. O Sueco tem cachorros.
3. O Dinamarquês bebe chá.
4. A casa verde fica à esquerda da casa branca.
5. O dono da casa verde bebe café.
6. O homem que fuma Pau Mall cria passáros.
7. O dono da casa amarela fuma Dunhill
8. O dono da casa do centro bebe leite.
9. O norueguês vive na primeira casa.
10. O homem que fuma Blends vive ao lado do que tem gatos.
11. O homem que cria cavalos vive ao lado do que fuma Dunhill.
12. O homem que fuma Bluemaster bebe cerveja.
13. O Alemão fuma Prince.
14. O Norueguês vive ao lado da casa azul.
15. O homem que fuma Blends é vizinho do que bebe água.

Conseguem responder?...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: MOMENTO DE CULTURA...   Ter Out 19, 2010 11:53 am

O INTELECTUAL DA TRETA...

Penso que é interessante caracterizar este grupo…

Os Intelectuais da Treta - de esquerda ou direita - são, estes sim, os verdadeiros tumores da sociedade…

É impossível ter com eles uma discussão intelectualmente honesta, pois aceitarem dos outros um argumento ou uma ideia, seria pior que serem enganados pela mulher…

Como têm a cabeça atestada com ideias dos outros - citações, teorias, autores sonantes - não lhes resta qualquer espaço para ideias próprias, limitando-se a debitar o que já leram ou ouviram…

O que lhes sobra de documentação, falta-lhes em criatividade, sendo incapazes do pensamento divergente ou do acto mais simples de dedução…

Normalmente, são pessoas carentes psicológicamente, com necessidade de afirmação patológica, que sublimam as suas frustrações tentando esmagar intelectualmente os oponentes…

Estas pessoas, que nada contribuem para o progresso da humanidade, são verdadeiros parasitas e constituem o caldo de onde saem as maiores aberrações em termos sociais e humanos…

São potenciais ditadores, suicidas - o Mundo não os merece - e psicópatas - as pessoas não merecem viver…

Se conhecem alguém assim, já sabem...

São os Intelectuais da Treta…
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: MOMENTO DE CULTURA...   Qui Out 21, 2010 9:59 pm

A Abóbora...

Alguns anos atrás, um ex-professor meu mostrou-me uma análise de sangue.
O que eu vi deixou-me impressionado!
Os 5 principais parâmetros do sangue, ou seja:
Uréia, Colesterol, Glicemia, Lipídeos e Triglicerídeos, apresentavam valores que, em muito excediam os níveis permitidos!

Comentei que a pessoa com aqueles índices já deveria estar morta ou, se estava viva, isto seria apenas por teimosia.
O professor, então, mostrou o nome do paciente que, até então, tinha sido ocultado pela sua mão.
O paciente era ele mesmo!

Fiquei estupefacto!
E comentei: "Mas como? E o que é que o professor fez?".
Com um sorriso, ele apresentou-me a folha de uma outra análise, dizendo:
"Agora, olhe esta, compare os valores dos parâmetros e veja as datas".

Foi o que eu fiz! Os valores dos parâmetros estavam nitidamente dentro das faixas recomendadas, o sangue estava perfeito, impecável, mas a surpresa aumentou, quando olhei as datas!
A diferença era de apenas um mês (entre as duas análises da mesma pessoa)!
Perguntei:
-"Como conseguiu isso? Isso é, literalmente, um milagre!"
Calmamente, ele respondeu que o milagre se deveu a seu médico, que lhe sugeriu um tratamento obtido de outro médico amigo.
Este tratamento também já foi utilizado por mim mesmo, várias vezes, com impressionantes resultados!
Aproximadamente, uma vez por ano, faço análises ao sangue e, se algum dos
parâmetros estiver apresentando valores fora dos limites estabelecidos, ou com tendência ao desarranjo, volto imediatamente a repetir esse processo da
abóbora ao natural (sem frigorífico).

Aqui está o SEGREDO:
Semanalmente, e durante 4 semanas, compre, na feira, na praça ou em supermercado, pedaços de abóbora. Não deve ser a abóbora moranga e sim a abóbora grande, que costuma ser usada para fazer doce.
Diariamente, descasque 100 gramas de abóbora, coloque os pedaços no liquidificador,
juntamente com água (SÓ ÁGUA!), e bata bem, fazendo uma vitamina de abóbora com água.

Tome essa vitamina em jejum, 15 a 20 minutos antes do pequeno almoço.

Faça isso durante um mês, todas vezes que os valores de seu sangue precisarem de ser corrigidos.

Poderá controlar o resultado, fazendo uma análise antes e outra depois do tratamento com a abóbora.

De acordo com o médico, não há qualquer contra-indicação, por tratar-se apenas de um
vegetal natural e água (não se usa açúcar!).

O professor, excelente engenheiro químico, estudou a abóbora para saber qual ou quais ingredientes activos ela contém e concluiu, pelo menos parcialmente, que nela está presente um solvente do colesterol de baixo peso molecular : o colesterol mais nocivo e perigoso - LDL.

Durante a primeira semana, a urina apresenta uma grande quantidade de colesterol LDL (de baixo peso molecular), o que se traduz em limpeza das artérias, inclusive as cerebrais, incrementando, assim, a memória da pessoa.

Há apenas um inconveniente:
O sabor da abóbora crua não é muito agradável! Nada mais!

Porém, há um detalhe importante:

*Nem a abóbora, nem a água poderão ir para a geladeira, ou seja, para o frigorífico, porque a refrigeração destrói os ingredientes activos da vitamina.

Esta é a razão de ter que comprar, semanalmente, a abóbora, pois, fora da geladeira, ela se estraga rapidamente.*

Cuidem-se!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: MOMENTO DE CULTURA...   Dom Out 24, 2010 3:20 pm

Como identificar os hipócritas?

Jesus declarou (Mt 6.2) que eles gostam de tocar trombetas em função das esmolas que dão, quer nas sinagogas, quer nas ruas. São loucos por aplausos humanos, visto serem famintos inveterados. Têm uma insaciável fome de glória.

Os hipócritas amam os holofotes. Não podem viver fora das manchetes. É isto que entendemos quando lemos Mt 6.4. Para eles, orar baixo não vale a pena, porque os gravadores não registram a beleza de seus discursos para o Infinito. As esquinas das ruas são o local preferido para a montagem de seus palcos, pois a multidão que passa precisa, depois, fazer seus adocicados comentários nos orkuts da vida.

Como não jejuam para Deus, precisam do reconhecimento da congregação. Isto posto, são caprichosos na apresentação visual de um rosto entristecido, adornado pela maquiagem de uma falsa piedade. Parece, às vezes, que perderam filhos na guerra, ou irmãos no incêndio, de tão tristes que se mostram. Na verdade, apenas perderam a si mesmos. Não esqueça a marca registrada dessa matilha: "para serem vistos pelos homens".

Os hipócritas não gostam de aprender. Ao contrário, tentam especializar-se em poucos temas, e fazem deles os ícones da sua vida. E vão a todos os lugares, fazendo perguntas unicamente sobre aquilo que julgam saber, a fim de parecerem sábios, enquanto humilham aqueles aos quais interrogam. Uma plataforma ideal para eles: classes da Escola Bíblica Dominical. Mas, também em outras reuniões, como cultos nos lares, etc., etc.

Foi assim desde os tempos de Jesus, como se lê em Mt 22.18.

Jesus não os chamou de irmãos, nem de discípulos, nem de coitados, nem de servos. Chamou-os de hipócritas. Essa é sua verdadeira identidade.

Jesus nos ensina que os hipócritas, em qualquer igreja, chegam a tornar-se o maior entrave para a Evangelização dos perdidos. Mas ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! porque fechais aos homens o reino dos céus; pois nem vós entrais, nem aos que entrariam permitis entrar, Mt 23.13. Vale acrescentar que eles anulam o evangelismo, mas defendem o proselitismo: Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! porque percorreis o mar e a terra para fazer um prosélito; e, depois de o terdes feito, o tornais duas vezes mais filho do inferno do que vós. Mt 23.15.

Os hipócritas a ninguém poupam. Mas, existem alguns alvos favoritos, como as viúvas. Novamente, é Jesus quem declara: Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! porque devorais as casas das viúvas e sob pretexto fazeis longas orações; por isso recebereis maior condenação. Mt 23.14.

(Portugal Profundo, Staline)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: MOMENTO DE CULTURA...   Qua Out 27, 2010 9:18 pm

MEDO vs PÂNICO...

Medo: Quando pela 1ª vez não se consegue dar a 2ª...

Pânico: Quando pela 2ª vez não se consegue dar a 1ª...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: MOMENTO DE CULTURA...   Sex Out 29, 2010 8:43 pm

AS 4 LEIS DA ESPIRITUALIDADE

1ª Lei " A pessoa que vem é a pessoa certa".

Significa que ninguém está em nossa vida por acaso.Todas as pessoas ao nosso redor estão interagindo connosco. Há sempre alguém que nos faz aprender e avançar em cada situação.

2ª Lei "Aconteceu a única coisa que poderá ter acontecido".

Nada,nada, absolutamente nada do que aconteceu nas nossas vidas poderia ter sido de outra forma. Mesmo o menor detalhe. Não há nenhum " se eu tivesse feito tal coisa..., aconteceu que um outro...". O que aconteceu foi tudo o que poderia ter acontecido, e foi para aprendermos alguma lição e seguirmos em frente, todas e cada uma das situações que acontecem em nossas vidas são perfeitas.

3ª Lei "Toda a vez que você iniciar é o momento certo".

Tudo começa na hora certa: nem antes, nem depois. Quando estamos prontos para iniciar algo novo em nossas vidas, é o momento em que as coisas acontecem.

4ª Lei "Quando algo termina, acaba realmente".

Simplesmente assim. Se algo acabou nas nossas vidas foi para a nossa evolução, por isso, é melhor seguirmos em frente e nos enriquecermos em cada experiência.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: MOMENTO DE CULTURA...   Qui Nov 04, 2010 10:22 pm

Revisitar a gramática

Era a terceira vez que aquele substantivo e aquele artigo se encontravam no elevador.
Um substantivo masculino, com aspecto plural e alguns anos bem vividos pelas preposições da vida. O artigo, era bem definido, feminino, singular. Ela era ainda novinha, mas com um maravilhoso predicado nominal. Era ingénua, silábica, um pouco átona, um pouco ao contrário dele, que era um sujeito oculto, com todos os vícios de linguagem, fanático por leituras e filmes ortográficos.
O substantivo até gostou daquela situação; os dois, sozinhos, naquele lugar sem ninguém a ver nem ouvir. E sem perder a oportunidade, começou a insinuar-se, a perguntar, conversar. O artigo feminino deixou as reticências de lado e permitiu-lhe esse pequeno índice.
De repente, o elevador pára, só com os dois lá dentro.
Óptimo, pensou o substantivo; mais um bom motivo para provocar alguns sinónimos. Pouco tempo depois, já estavam bem entre parênteses, quando o elevador recomeçou a movimentar-se. Só que em vez de descer, sobe e pára exactamente no andar do substantivo.
Ele usou de toda a sua flexão verbal, e entrou com ela no seu aposento.
Ligou o fonema e ficaram alguns instantes em silêncio, ouvindo uma fonética clássica, suave e relaxante. Prepararam uma sintaxe dupla para ele e um hiato com gelo para ela.
Ficaram a conversar, sentados num vocativo, quando ele recomeçou a insinuar-se. Ela foi deixando, ele foi usando o seu forte adjunto adverbial, e rapidamente chegaram a um imperativo.
Todos os vocábulos diziam que iriam terminar num transitivo directo.
Começaram a aproximar-se, ela tremendo de vocabulário e ele sentindo o seu ditongo crescente. Abraçaram-se, numa pontuação tão minúscula, que nem um período simples, passaria entre os dois.
Estavam nessa ênclise quando ela confessou que ainda era vírgula.
Ele não perdeu o ritmo e sugeriu-lhe que ela lhe soletrasse no seu apóstrofo. É claro que ela se deixou levar por essas palavras, pois estava totalmente oxítona às vontades dele e foram para o comum de dois géneros.
Ela, totalmente voz passiva. Ele, completamente voz activa. Entre beijos, carícias, parónimos e substantivos, ele foi avançando cada vez mais.
Ficaram uns minutos nessa próclise e ele, com todo o seu predicativo do objecto, tomava a iniciativa. Estavam assim, na posição de primeira e segunda pessoas do singular.
Ela era um perfeito agente da passiva; ele todo paroxítono, sentindo o pronome do seu grande travessão forçando aquele hífen ainda singular.
Nisto a porta abriu-se repentinamente.
Era o verbo auxiliar do edifício. Ele tinha percebido tudo e entrou logo a dar conjunções e adjectivos aos dois, os quais se encolheram gramaticalmente, cheios de preposições, locuções e exclamativas.
Mas, ao ver aquele corpo jovem, numa acentuação tónica, ou melhor, subtónica, o verbo auxiliar logo diminuiu os seus advérbios e declarou a sua vontade de se tornar particípio na história. Os dois olharam-se; e viram que isso era preferível, a uma metáfora por todo o edifício.
Que loucura, meu Deus!
Aquilo não era nem comparativo. Era um superlativo absoluto. Foi-se aproximando dos dois, com aquela coisa maiúscula, com aquele predicativo do sujeito apontado aos seus objectos. Foi-se chegando cada vez mais perto, comparando o ditongo do substantivo ao seu tritongo e propondo claramente uma mesóclise-a-trois.
Só que, as condições eram estas:
Enquanto abusava de um ditongo nasal, penetraria no gerúndio do substantivo e culminaria com um complemento verbal no artigo feminino.
O substantivo, vendo que poderia transformar-se num artigo indefinido depois dessa situação e pensando no seu infinitivo, resolveu colocar um ponto final na história. Agarrou o verbo auxiliar pelo seu conectivo, atirou-o pela janela e voltou ao seu trema, cada vez mais fiel à língua portuguesa, com o artigo feminino colocado em conjunção coordenativa conclusiva.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: MOMENTO DE CULTURA...   Ter Nov 09, 2010 10:43 pm

Respostas retiradas de diversas provas globais em 2008...

Biologia

'A respiração anaeróbia é a respiração sem ar que não deve passar de três minutos.'

'As plantas distinguem-se dos animais por só respirarem à noite.'

'Os crustáceos fora de água respiram como podem.'

'Carácter sexual secundário são as modificações morfológicas sofridas por um indivíduo após manter relações sexuais.'

'A insónia consiste em dormir ao contrário.'

'Quando um animal irracional não tem água para beber, só sobrevive se for empalhado.'

'O coração é o único órgão que não deixa de funcionar 24 horas por dia.'

'Os ruminantes distinguem-se dos outros animais porque o que comem, comem duas vezes.'

'As aves têm na boca um dente chamado bico.'

'O Sol dá-nos luz, calor e turistas.'

'A principal função da raiz é enterrar-se.'

'O vento é uma imensa quantidade de ar.'
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: MOMENTO DE CULTURA...   Sab Nov 13, 2010 12:08 am

Dedicado a todos os adultos contemporâneos pseudo-intelectuais e neuro-hipocondríacos...

Dizem que todos os dias devemos comer uma maçã por causa do ferro e uma banana por causa do potássio.

Também devemos comer uma laranja por causa da vitamina C e uma chávena de chá verde sem açúcar para prevenir a diabetes.

Todos os dias devemos beber dois litros de água (sim, e depois uriná-los, o que requer o dobro do tempo que perdemos para os beber).

Todos os dias devemos comer um Actimel ou um iogurte por causa dos "L. Casei Immunitas", que ninguém sabe muito bem o que raio é, porém parece que se não engoles pelo menos um milhão e meio destas bactérias todos os dias, começas a ver desfocado.

Todos os dias devemos tomar uma aspirina para prevenir os enfartes e um copo de vinho tinto, também para prevenir os enfartes. E um outro copo de vinho branco porque faz bem ao sistema nervoso. E um de cerveja que já não me recordo para que é. Se os bebes todos juntos podes ter uma hemorragia cerebral mas não te preocupes porque nem te vais dar conta.

Todos os dias devemos comer alimentos ricos em fibras. Muitas, muitas fibras... até que consigas defecar um camisolão de lã.

Devemos fazer entre 4 a 6 refeições por dia, ligeiras, sem esquecer de mastigar 100 vezes cada bocadinho de comida. Fazendo as contas, só no comer lá se vão 5 horas. Ah!, e depois de cada refeição é preciso lavar os dentes, ou seja: depois do Actimel e das fibras lava os dentes, depois da maçã lava os dentes, depois da banana lava os dentes... e por aí afora se ainda te sobrarem dentes na boca, sem esquecer de usar o fio dental, massajar as gengivas e bochechar com um elixir oral.

É melhor fazer obras, ampliar a casa de banho e meter um leitor de CD's, porque vais passar muitas horas lá dentro.

É necessário dormir 8 horas e trabalhar outras 8, mais as 5 necessárias para comer, tudo isto dá 21 horas.

Sobram-te 3 e reza para que não haja trânsito.

De acordo com as estatísticas, vemos televisão 3 horas por dia...

Pois é, mas não se pode, porque todos os dias devemos fazer uma caminhada de pelo menos meia hora (por experiência própria: depois de 15 minutos volta para trás, senão a meia hora torna-se uma).

É preciso saber conservar as amizades porque estas são como as plantas, devemos regá-las todos os dias. E até quando vais de férias, suponho. Além disso, temos de nos manter informados e ler pelo menos 2 jornais e um par de artigos de revistas, para desenvolver uma consciência crítica.

Ah!, devemos ter relações sexuais todos os dias, mas sem cair na rotina: é preciso ser inovador, criativo e renovar a sedução. Para tudo isto é preciso tempo. E sem falar do sexo tântrico (a propósito, relembro que é preciso lavar os dentes depois de se comer qualquer coisa).

Devemos também arranjar tempo para limpar a casa, lavar a louça, a roupa e já nem digo nada se tivermos animais de estimação ou... FILHOS!!

Em suma, para abreviar, as contas dão 29 horas por dia.

A única hipótese que me ocorre é fazer várias coisas ao mesmo tempo.

Por exemplo: tomas banho com água fria e com a boca aberta, assim bebes os 2 litros de água. Enquanto sais do banho com a escova de dentes na boca, fazes amor (tântrico) com o teu/tua companheiro(a), que no entretanto vê televisão e te conta as notícias, enquanto aproveitas para limpar a casa.

Ainda te sobra uma mão livre?

Telefona aos teus amigos! E aos teus pais! Bebe o vinho (depois de telefonar aos teus pais, vais precisar). O Actimel com a maçã é o teu/tua companheiro(a) que to pode meter na boca, enquanto ele(a) come a banana com as fibras e amanhã trocam. E ainda bem que já somos crescidos, senão ainda deveríamos tomar um suplemento extra de cálcio todos os dias.

Se ainda te sobrarem 2 minutos, envia esta mensagem aos teus amigos (que devemos regar como as plantas) e fá-lo enquanto comes uma colherada de um qualquer suplemento de Magnésio, que faz mesmo muito bem.

Agora deixo-te, porque entre o iogurte, a maçã, a cerveja, o primeiro litro de água e a terceira refeição do dia com a dose diária de fibras, já não sei que raio estou a fazer neste momento, mas sinto que tenho de ir urgentemente sentar-me na sanita.

Assim até aproveito para lavar os dentes!

Uma saudação especial para os homens e mulheres modernos!

(Recebido por e-mail)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: MOMENTO DE CULTURA...   Qua Nov 17, 2010 1:16 am

Quatro conselhos....

1 - Não suponhas nem inventes
Não aceites nada como certo e garantido.
Se tens dúvidas, clarifica-as. Se suspeitas, pergunta…esclarece...
Supor pode te fazer inventar histórias incríveis que só envenenam a tua alma e que, mais certo, não têm qualquer fundamento.

2 - Honra a tua palavra e o que dizes
O que sai de tua boca é o que tu és.
Honrar as tuas palavras é seres coerente com o que pensas e com o que fazes.
Sê autêntico e faz-te respeitar perante os demais e perante ti próprio.

3 - Dá sempre o teu melhor
Se fizeres sempre o melhor que puderes, nunca te poderás recriminar nem arrepender de nada, pois que te empenhaste e fizeste o melhor que sabias e podias.

4 - Não tomes nada como pessoal
Nem a pior ofensa. Nem o maior desprezo. Nem a mais grave ferida.
Na medida em que, quando alguém te queira ferir, se não valorizares essa tentativa de agressão, essa perversidade recairá sobre o seu autor.


Última edição por Anarca em Qua Nov 17, 2010 10:25 pm, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: MOMENTO DE CULTURA...   Qua Nov 17, 2010 10:24 pm

Estudo sobre o vinho.

1. O VINHO PODE MATAR?
Pode. Há uns anos, um rapaz foi atingido por um barril de vinho que caiu de um camião levando-o à morte instantânea.

2. O USO CONTINUADO DO ÁLCOOL PODE LEVAR AO USO DE DROGAS MAIS PESADAS?
Não. O álcool é a mais pesada das drogas: uma garrafa de vinho pesa cerca de 900 gramas .

3. O VINHO CAUSA DEPENDÊNCIA PSICOLÓGICA?
Não. Cerca de 89,7% dos psiquiatras, psicólogos e psicanalistas entrevistados preferem cerveja.

4. MULHERES GRÁVIDAS PODEM BEBER SEM RISCO?
Sim. Está provado que nas operações STOP a polícia nunca faz o teste do balão às grávidas.

5. O VINHO PODE DIMINUIR OS REFLEXOS DOS MOTORISTAS?
Não. Experiência com mais de 500 condutores: foi dada uma grade com garrafas de vinho para cada um abrir e beber. As últimas foram abertas e bebidas no mesmo tempo gasto com as primeiras. Em nenhuma das garrafas os reflexos foram alterados.

6. A BEBIDA ENVELHECE?
Sim. A bebida envelhece muito depressa. Se deixar uma garrafa de vinho aberta de um dia para o outro, altera o paladar e o aroma e chega mesmo a avinagrar passadas algumas semanas.

7. O VINHO CONDICIONA NEGATIVAMENTE O RENDIMENTO ESCOLAR?
Não, pelo contrário. Algumas universidades estão a aumentar os lucros com a venda de vinho a copo nas cantinas e bares.

8. O QUE FAZ COM QUE A BEBIDA CHEGUE AOS ADOLESCENTES?
O estudo confirma que, em primeiríssimo lugar, o empregado de mesa.

9. O VINHO ENGORDA?
Não. Tu é que engordas.

10. O VINHO CAUSA PERDA DE MEMÓRIA?
Que eu me lembre, não!

O resto são lérias!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: MOMENTO DE CULTURA...   Seg Nov 22, 2010 8:51 pm

INFORMAÇÕES ÚTEIS...

- A comida leva 7 segundos da boca ao estômago.

- Um fio de cabelo suporta 3kg.

- O tamanho médio do pénis do homem é 3 vezes o comprimento do seu polegar.

- O fémur é mais forte que o cimento.

- O coração da mulher bate mais rápido que o do homem.

- Existem cerca de um trilião de bactérias em cada um dos pés.

- As mulheres piscam os olhos duas vezes mais que os homens.

- O peso médio da pele de uma pessoa é duas vezes maior que o do cérebro.

- O corpo utiliza 300 músculos para manter o equilíbrio quando está parado em pé.

- Se a saliva não consegue dissolver algo, não se consegue sentir o sabor.

- As mulheres que estão a ler este texto já terminaram.

- Os homens que estão a ler este texto, provavelmente, ainda estão ocupados a medir os seus polegares.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: MOMENTO DE CULTURA...   Sex Nov 26, 2010 12:26 am

O Bibelot...

O nosso dia a dia é povoado por centenas de pequenos objectos que, diligente e repetidamente, lá desempenham a função para que foram criados. Existe entre eles uma hierarquia funcional que os distingue uns dos outros e segundo a qual determinamos que um objecto é mais importante que outro, no sentido de nos ser mais ou menos útil.

Na base dessa hierarquia, naquela categoria muito próxima da do bidé, temos o nível mais rasteirinho de objecto: o bibelot.

Embora tenha um nome estrangeirado e armado ao fino, o bibelot faz lembrar aqueles tios e tias de boas famílias, de nomes muito compridos, que decoram as capas de revista de sociedade, mas que não têm utilidade nenhuma. Aquilo que caracteriza o bibelot é exactamente a futilidade de não servir para nada a não ser para decorar um qualquer espaço, estando directamente dependente do mau gosto de quem decora ou de quem o compra.

Talvez por isso o bibelot seja o objecto mais procurado quando não sabemos o que oferecer a alguém. O bibelot não compromete, é um placebo comercial que desculpa a falta de imaginação ou de interesse de quem o compra.

Quando compramos um livro a alguém normalmente temos o cuidado de conciliar o conteúdo do livro com o tipo de pessoa a quem o vamos oferecer. Digamos que é uma compra com algum grau de intimidade. Quando compramos um bibelot estamos perfeitamente nas tintas se a pessoa vai ou não gostar dele, se vai olhar para ele, onde o vai colocar, etc. Sabemos à partida que se a pessoa a quem oferecermos o bibelot não gostar dele vai fazer aquele ar agradecido e grato à nossa frente e quando nos vir pelas costas irá embrulhá-lo cuidadosamente e oferecê-lo a outra pessoa noutra ocasião.

No entanto, apesar da sua inutilidade e perenidade, o bibelot divide-se em várias tipologias onde as mais conhecidas são:

Bibelots Religiosos – onde encontramos uma panóplia de cruzes, de santos, de cristos, e de budas (este último muito famoso nos últimos tempos).

Bibelots Miniaturizados – que vão desde frasquinhos de perfume, a pequenas réplicas em loiça de pratinhos e chaveninhas.

Bibelots do Mundo Animal – onde os mais conhecidos são o belo cavalinho de cristal, ou a colecção de elefantes de tromba para cima, ou ainda o célebre pinguim para o topo do frigorífico.

Bibelots de Exterior – com especial destaque para as duas águias, os dois leões ou os dois dragões a encabeçar os portões da vivenda ou, para um público mais refinado, os célebres anões de loiça em poses de jardinagem.

Bibelots de Design – continuam a não servir para nada, mas dão-se ares de obra de arte em exposição no MOMA.

Bibelots Temáticos – os mais fáceis de comprar quando conhecemos a obsessão da pessoa a quem pretendemos oferecer. Exs: colecções de vacas malhadas, colecção de gatos em todo o tipo de materiais, colecções de pequenos quadros com 842 nós de marinheiro, e assim por diante.

Se um dia tiverem que recorrer à compra de um bibelot, façam-no por uma boa causa: ofereçam-no ao patrão, à sogra, ou aos amigos da onça. Eles vão compreender.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: MOMENTO DE CULTURA...   Seg Nov 29, 2010 10:32 pm

Respostas retiradas de diversas provas globais em 2008...

'O objectivo de uma Sociedade Anónima é ter muitas fabricas desconhecidas.'

'Na Grécia a democracia funcionava muito bem porque os que não estavam de acordo envenenavam-se.'

'As múmias tinham um profundo conhecimento de anatomia.'

'A arquitectura gótica notabilizou-se por fazer edifícios verticais.'

'A febre amarela foi trazida da China por Marco Polo..'

'A harpa é uma asa que toca.'

'Péricles foi o principal ditador da democracia Grega.'

'Os Egípcios antigos desenvolveram a arte funerária para que os mortos pudessem viver melhor.'

'O petróleo apareceu há muitos séculos, numa época em que os peixes afogavam-se dentro de água.'

'O problema fundamental do terceiro mundo é a superabundância de necessidades.'

'Terramoto é um pequeno movimento de terras não cultivadas.'

'Lavoisier foi guilhotinado por ter inventado o oxigénio.'

"Catástrofe natural é uma doença que vem da Ásia e que estamos com medo que cá chegue"

"Montanha é uma grande quantidade de mato"

"Rio é uma corrente de água que vai até às barragens e segue até às nossas casas"

"Meandro é um curso de água nos afluentes dos rios"

"Força orogénica é uma força orgânica"
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: MOMENTO DE CULTURA...   Sab Dez 04, 2010 11:14 pm

INGLÊS PARA FÉRIAS ALGARVIAS:

CAN
Pergunta feita por quem tem amnésia: CAN sou eu?

CREAM
Roubar, matar, etc: ele cometeu um CREAM

VASE
Momento de jogada: agora e minha VASE

YEAR
Deixar partir: ela teve que YEAR

FRENCH
Dianteira: saia da FRENCH, por favor

YELLOW
Na companhia dela: saimos eu YELLOW

DATE
Madar alguem deitar: DATE ai

DAY
Conceder: eu DAY um presente para ela

PAINT
Objeto: me empresta o seu PAINT?

FAIL
Oposto de bonito: ele e FAIL

RIVER
Pior que FAIL: ele é RIVER

BITE
Agredir: ele sempre BITE nela

TO SEE
Onomatopeia que representa tosse: ele desmaiou de tanto TO SEE

CAN'T
Oposto de frio: o carro esta CAN'T

MORNING
Nem CAN'T, nem frio: o carro esta MORNING

FEEL
Barbante: me da um pedaco desse FEEL para eu amarrar aqui

MICKEY
Afirmativo de queimadura: MICKEY may

TOO MUCH
Legume: quero uma salada de TOO MUCH

PEOPLE
Alimento a base de milho: adoro comer PEOPLE-ca

HAIR
Marcha de carro: ele engatou a HAIR

SOMEWHERE
Pessoa do interior: SOMEWHERE é irmão de Manuer

ICE
Expressao de desejo: ICE ela me desse bola

DARK
Palavra usada em antigo proverbio: e melhor DARK receber

MONDAY
Ordenar: ontem MONDAY lavar o carro

MAY GO
Pessoal docil: ele e tao MAY GO
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: MOMENTO DE CULTURA...   Ter Dez 14, 2010 12:18 am

Sabiam que lol é um acrónimo?...

Para compreenderem o que dizem os mais novos, aqui fica uma lista de acrónimos:

!I - have a comment
1174 - Nude club
121 - One to one
1337 - Elite
143I - love you
14AA41 - One for All and All for One
182I - hate you
190 - hand
20- Location
2B or not 2B - To Be Or Not To Be
2BZ4UQT - Too Busy For You Cutey
2G2B4G - Too Good To Be Forgotten
2G2BT - Too Good To Be True
2moro - Tomorrow
2nite - Tonight
2U2 - To You Too
404I - haven't a clue
411 - Information
420 - Marijuana
459I - love you
4COL - For Crying Out Loud
4EAE - ForEver And Ever
4ever - Forever
4NR - Foreigner
4QF - Fuck You
5FS5 - Finger Salute
8 - Oral sex
831 - I Love You
86 - Out of, over, to get rid of, or kicked out
9 - Parent is watching
99 - Parent is no longer watching
< - 3Heart
?I - have a question
@TEOTDAt - The End Of The Day
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: MOMENTO DE CULTURA...   Qua Dez 22, 2010 8:26 pm

Em conversa com um amigo boliviano, levantei a seguinte questão:
- Porque é que "computador" em espanhol é feminino, ou seja, é "computadora"?
Ao que ele me respondeu categoricamente:
- É porque está comprovado que os computadores são realmente do sexo feminino, sem qualquer sombra de dúvidas.
Aí eu pedi:
- OK, cita-me lá uma razão.
Ele deu-me várias...
Eis aqui algumas razões que atestam, cientificamente, que os computadores são fêmeas:

1 - Assim que se arranja um, aparece outro melhor na esquina mais próxima.

2 - Ninguém, além do Criador, é capaz de entender a sua lógica interna. (Muito boa!)

3 - Mesmo os erros mais pequeninos que você cometa são guardados na memória para futura referência. (Esta é fatal!)

4 - A linguagem nativa usada na comunicação entre computadores é incompreensível para qualquer outra espécie.

5 - A mensagem "bad command" or "file name" é tão informativa quanto, digamos, "se tu não sabes porque estou chateada, também não sou eu quem te vai explicar!!!!!" (Esta é óptima!)

6 - Assim que você opta por um computador, qualquer que seja, rapidamente gastará todo o seu ordenado com acessórios para ele.

7 - O computador processa informações com muita rapidez, mas não pensa. (Esta é mesmo muito, muito, muito bera...)

8 - O computador do seu amigo, vizinho, ou do seu escritório é sempre melhor do que o que você tem em casa. (Esta é mesmo mazinha...oh,oh,oh,oh)

9 - O computador não faz absolutamente nada sozinho, a não ser que você digite uma ordem de execução.

10 - É sempre nas alturas mais importantes que o computador encrava.

Será que alguém ainda tem dúvidas que o computador é do sexo feminino?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: MOMENTO DE CULTURA...   Qua Jan 05, 2011 8:44 pm

JESUS E A EDUCAÇÃO...

Naquele tempo, Jesus subiu ao monte seguido pela multidão e, sentado sobre uma grande pedra, deixou que os seus discípulos e seguidores se aproximassem. Depois, tomando a palavra, ensinou-os dizendo:
“Em verdade vos digo, bem-aventurados os pobres de espírito, porque deles é o reino dos céus. Bem-aventurados os que têm fome e sede de justiça, porque serão saciados. Bem-aventurados os misericordiosos, porque eles…”
Pedro interrompeu:
- Temos que aprender isso de cor?
André disse:
- Temos que copiá-lo para o caderno?
Tiago perguntou:
- Vamos ter teste sobre isso?
Filipe lamentou-se:
- Não trouxe o papiro-diário.
Bartolomeu quis saber:
- Temos de tirar apontamentos?
João levantou a mão:
- Posso ir à casa de banho?
Judas exclamou:
- Para que é que serve isto tudo?
Tomé inquietou-se:
- Há fórmulas? vamos resolver problemas?
Tadeu reclamou:
- Mas porque é que não nos dás a sebenta e… pronto!?
Mateus queixou-se:
- Eu não entendi nada… ninguém entendeu nada!
Um dos fariseus presentes, que nunca tinha estado diante de uma multidão nem ensinado nada, tomou a palavra e dirigiu-se a Ele, dizendo:
“Onde está a tua planificação?
Qual é a nomenclatura do teu plano de aula nesta intervenção didáctica mediatizada?
E a avaliação diagnóstica?
E a avaliação institucional?
Quais são as tuas expectativas de sucesso?
Tens para a abordagem da área em forma globalizada, de modo a permitir o acesso à significação dos contextos, tendo em conta a bipolaridade da transmissão?
Quais são as tuas estratégias conducentes à recuperação dos conhecimentos prévios?
Respondem estes aos interesses e necessidades do grupo de modo a assegurar a significatividade do processo de ensino-aprendizagem?
Incluíste actividades integradoras com fundamento epistemológico produtivo?
E os espaços alternativos das problemáticas curriculares gerais?
Propiciaste espaços de encontro para a coordenação de acções transversais e longitudinais que fomentem os vínculos operativos e cooperativos das áreas concomitantes?
Quais são os conteúdos conceptuais, processuais e atitudinais que respondem aos fundamentos lógico, praxeológico e metodológico constituídos pelos núcleos generativos disciplinares, transdisciplinares, interdisciplinares e metadisciplinares?”
Caifás, o pior de todos, disse a Jesus:
“- Quero ver as avaliações do primeiro, segundo e terceiro períodos e reservo-me o direito de, no final, aumentar as notas dos teus discípulos, para que ao Rei não lhe falhem as previsões de um ensino de qualidade e não se lhe estraguem as estatísticas do sucesso. Serás notificado em devido tempo pela via mais adequada. E vê lá se reprovas alguém! Lembra-te que ainda não és titular e não há quadros de nomeação definitiva.”
… E Jesus pediu a reforma antecipada aos trinta e três anos…

(autor desconhecido)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: MOMENTO DE CULTURA...   Dom Jan 16, 2011 4:22 pm

Alunos maravilha...

Professor: O que devo fazer para repartir 11 batatas por 7 pessoas?
Aluno: Puré de batata, senhor professor!

O professor ao ensinar os verbos:
- Se és tu a cantar, dizes: "eu canto".
Ora bem, se é o teu irmão que canta, como é que dizes?
- Cala a boca, Alberto.

- "Stora", alguém pode ser castigado por uma coisa que não fez?
- Não.
- Fixe. É que eu não fiz os trabalhos de casa.

- Joaquim, diga o presente do indicativo do verbo caminhar.
- Eu caminho... tu caminhas... ele caminha...
- Mais depressa!
- Nós corremos, vós correis, eles correm!

Professor: Chovia que tempo é?
Aluno: É tempo muito mau, senhor professor.

Professor: Quantos corações temos nós?
Aluno: Dois, senhor professor.
Professor: Dois!?
Aluno: Sim, o meu e o seu!

Dois alunos chegam tarde à escola e justificam-se:
1º Aluno: Acordei tarde, senhor professor! Sonhei que fui à Polinésia e demorou muito a viagem.
2º Aluno: E eu fui esperá-lo ao aeroporto!

Um aluno de Direito a fazer um exame oral:
O que é uma fraude?
Responde o aluno: É o que o sr. Professor está a fazer.
O professor muito indignado: Ora essa, explique-se...
Diz o aluno: Segundo o Código Penal comete fraude todo aquele que se aproveita da ignorância do outro para o prejudicar!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: MOMENTO DE CULTURA...   Qui Jan 20, 2011 1:14 pm

HISTÓRIA MODERNA DA CINDERELA...

Há bués da times, havia uma garina cujo cota já tinha esticado o pernil e que vivia com a chunga da madrasta e as melgas das filhas dela.
A Cinderela (Cindy p'ós amigos), parecia que vivia na prisa, sem tempo para sequer enviar uns mails.
Com este desatino todo, só lhe apetecia dar de frosques, porque a madrasta fazia-lhe bué da cenas.
É então que a Cindy fica a saber da alta desbunda que ia acontecer: Uma rave!!!
A gaja curtiu tótil a ideia, mas as outras chavalas cortaram-lhe as bases.
Ela ficou completamente passadunte, mas depois de andar à toa durante um coche, apareceu-lhe uma fada do baril que lhe abichou uma farda bacana, ela ficou a parecer uma g'anda febra.
Só que ela só se podia afiambrar da cena até ao bater das 12.
Tás a ver?
A tipa mordeu o esquema e foi para a borga sempre a bombar.
Ao entrar na party topou um mano cheio da papel, que era bom comó milho e que também a galou logo ali.
Aí a Cindy, passou-se dos carretos, desbundaram "ól naite long", até que ao ouvir as 12, ela teve de se axandrar e bazou.
O mitra ficou completamente abardinado quando ela deu de frosques e foi atrás dela, mas só encontrou pelo caminho o chanato da dama.
No dia seguinte, com uma alta fezada, meteu-se nos calcantes e foi à procura de um chispe que entrasse no chanato.
Como era um alta cromo, teve uma vaca descomunal e encontrou a maluca, para grande desatino das outras fatelas que ficaram anhar.
Fim: Tá-se bem.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: MOMENTO DE CULTURA...   Qua Jun 22, 2011 11:26 pm

A REVISÃO GRAMATICAL VISTA PELOS BRASILEIROS:

ABISMADO - pessoa que caíu no abismo
ABREVIATURA - acto de se abrir um carro da policia
AÇUCAREIRO - revendedor de açúcar que vende acima da tabela
ALOPATIA - telefonar à tia
AMADOR - o mesmo que masoquista
AMAZONAS - apreciador das zonas de baixo meretrício
ARMARINHO - vento proveniente do mar
ARTESÃO - aparentando excitação
BACANAL - reunião de bacanas
BARRACÃO - proibir a entrada ao cão
CÁLICE - ordem para ficar calado
CANGURU - líder espiritual dos cães
CATÁLOGO - acto de se apanhar coisas rapidamente
COMBUSTÃO - mulher com peito grande
COMPULSÃO - qualquer animal com pulso grande
CONCEIÇÃO - elemento da soma: Quatro conceição dez
CRETINO - nativo de Creta
DEPRESSÃO - espécie de panela angustiante
DESBOTAR - quando a galinha põe dez ovos
DESDENTADAS - o mesmo que dez mordidas
DESTILADO - aquilo que não está do lado de lá
DETERGENTE - acto de prender indivíduos suspeitos
DETERMINA - prender uma garota
EDIFÍCIO - antónimo de "é fácil"
EFICIÊNCIA - ciência que estuda a letra "F"
ESFERA - animal selvagem já domesticado
ESPERTO - o mesmo que distante
EVENTO - constatação de que realmente é vento e não furacão ou tornado
EXÓTICO - algo que deixou de ser óptico, passou a ser olfativo ou auditivo
FLUXOGRAMA - direcção em que cresce o capim
FORNECEDOR - empresário dedicado ao ramo de agradar os masoquistas
GENEROSA - factor genético da rainha das flores
GENITÁLIA - órgão reprodutor dos italianos
GINCANA - bebida contendo gim e cachaça
GLANDE - sinónimo de "enolme"
HALOGÉNIO - forma de cumprimentar pessoas superdotadas
HOMOSSEXUAL - sabão utilizado para lavar as partes íntimas
INTIMAÇÃO - o mesmo que carícias sexuais
LEILÃO – a Leila com mais de 2 metros de altura
LOCADORA - uma mulher maluca de nome Dora
MINISTÉRIO - aparelho de som de tamanho reduzido
MISSÃO - missa muito longa
NOVAMENTE - diz-se de indivíduos que renovam a sua maneira de pensar
OBSCURO - "OB" na cor preta
PRESSUPOR - colocar o preço em alguma coisa
PSICOPATA - veterinário especialista em doenças mentais de patas
QUARTZO - partze ou aposentzo de um apartamentzo
RAZÃO - lago muito extenso porém pouco profundo
RODAPÉ - aquele que tinha carro mas agora anda a pé
SÁARA - mulher de Jacob
SEXÓLOGO - sexo apressado
SIMPATIA - concordar com a irmã da mãe
SOLUÇÃO - forte soluço
SOSSEGA - mulher desprovida de visão
SUPERTIÇÃO - crioulo muito forte
TABELA - sinónimo de "estar bonita"
TALENTO - característica de alguma coisa devagar
TÍPICA - o que o mosquito nos faz
TRIGAL - cantora baiana elevada ao cubo
UNÇÃO - erro de concordância muito frequente (o correto seria UM É)
VIDENTE - dentista falando sobre o seu trabalhoVIÚVA - acto de ver uva
VOLÁTIL - sobrinho a avisar onde vai
XIITA - nome da macaca do Tarzan
ZOOLÓGICO - reunião de animais racionais
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: MOMENTO DE CULTURA...   Qua Fev 01, 2012 1:38 pm

O Feng Shui

Depois de ter sido verdadeiramente massacrado por um amigo arquitecto, que insistiu que eu me devia imbuír do espírito de Feng Shui para criar energias positivas numa vida que não me andava a correr lá muito bem, decidi fazer algumas alterações na minha casa, seguindo rigorosamente os seus ensinamentos:

Na entrada pendurei um Ba Gua raso. Não fica lá grande coisa e dá um ar folclórico à entrada mas é suposto ser um catalizador de excelentes energias. Disso e do couro cabeludo que lá deixei por ter pendurado aquela merda muito baixo.

Na maçaneta da porta de entrada pendurei 3 moedas chinesas numa fita vermelha, para atraír “dinheiro auspicioso”.

Passam a vida a roubar-me as moedas, e eu passei a ser o melhor cliente da loja dos chinocas na esquina do meu prédio.
Comprei dois cães Fu em porcelana que coloquei do lado de fora da porta, um de cada lado, para guardar a casa. Os vizinhos gostam de lhes mandar uns violentos pontapés.

Instalei um pequeno lago artificial na varanda da casa, onde coloquei 8 peixinhos dourados e um peixinho preto. Era suposto o peixinho preto atraír tudo o que é negativo e indesejável, mas o sacana do peixe desatou a comer os peixes dourados e eu gasto uma fortuna a substituí-los todas as semanas. O peixe preto está tão bem alimentado que a varanda já começou a dar de si.

Nas traseiras da casa, na ponta do lado esquerdo, mandei construír uma cascata ruidosa. A cascata é suposto fazer correr mais dinheiro. E aparentemente funciona: com as indemnizações que os vizinhos me pediram a minha conta bancária parece mesmo um rio a escoar.

Dispus plantas de flor vermelha ao longo do corredor, em grupos de 3, até à porta de entrada. Já escorreguei várias vezes na merda das folhas e na última das quedas deixei de poder virar o pescoço para a direita. O ortopedista diz que é permanente.

Apontei uma luz no lado de fora para a minha porta de entrada de modo a estar iluminada durante a noite. Desde então passo a vida a explicar aos bêbados locais que a minha casa não é um bar de alterne.

Atestei todas as divisões da minha casa com plantas de folhagem verde em formas de moedas. Ainda estou para perceber que porra de efeito é que faz a forma da merda das flores.

Para criar um constante fluxo de energia mudo a minha mobília de sítio todos os dois meses. Um processo cansativo, e que requer muita energia para levar em ombros aquela porcaria toda. À conta disto, os vizinhos do andar de baixo fazem manifestações violentas à porta de minha casa e destroem-me sistematicamente os cães Fu.

Frequentemente limpo os meus armários da roupa, que ofereço à minha empregada ou a instituíções de beneficência. Segundo o Feng Shui manter roupa usada no armário interfere nas energias, tipo “bate na válvula e volta pra trás”. Estou a ficar sem grandes opções de escolha, vou ter de ir aos saldos brevemente.

Deixei de ouvir os Da Weasel e agora só ouço música com sons de floresta, de mar, ou de chuva a caír. Junto-lhe uns pauzinhos de insenso para dar um cheiro relaxante ao ambiente. A polícia já me entrou pela casa adentro algumas vezes julgando tratar-se da sede de uma seita Koreshiana. Pouco falta…

Pintei a minha caixa de correio com flores de cores garridas. Ficou foleiro à brava, mas assim não corro o risco de receber más notícias.

Retirei o espelho do tecto do meu quarto (mas mantive a cama redonda) e acrescentei espelhos em todas as divisões pequenas da casa, para criar uma maior sensação de espaço: confesso que ainda não me habituei a ver-me ao espelho enquanto estou sentado na pia.

Era suposto eu estar em paz e em perfeita harmonia com o que me rodeia, atravessado por uma onda de energia inexplicavelmente tranquilizante, mas não! Estou uma pilha de nervos, a minha casa parece ter sido decorada pelos chineses contorcionistas do Circo Chen, os vizinhos dão-me cabo da cabeça, o peixe negro já parece uma toninha, e a minha vontade é de contratar uma tribo somali feng shungueira que dê um andar diferente ao meu amigo arquitecto.

Raizupartam!

(A Razão das Coisas)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: MOMENTO DE CULTURA...   Qui Fev 02, 2012 11:11 pm

Assim surgiu a humanidade
(história resumida)

Para todos aqueles que não se "ralam" muito com antropologia, aqui vai uma versão resumida. Originalmente os humanos começaram a organizar-se em pequenos grupos de caçadores/recolectores nómadas.

No verão habitavam as montanhas e alimentavam-se de veados e outros animais; no inverno desciam até à costa e viviam à base de peixe e marisco. Os dois mais importantes marcos no desenvolvimento primitivo foram a invenção da cerveja e da roda. A roda foi inventada com o propósito de conduzir o homem até à cerveja.
Estes dois progressos tecnológicos formaram a estrutura para a fundação da civilização moderna e juntos foram o catalisador da divisão dos humanos em dois subgrupos distintos:
1: Socialistas
2: Conservadores
Assim que foi descoberta a cerveja a necessidade de enormes quantidades de grão para a sua produção levou ao surgimento da agricultura. Mas nem o vidro nem o alumínio tinham sido ainda descobertos. Por isso os nossos antepassados passavam muito tempo sentados à porta das cervejarias à espera do momento da sua produção. Esse facto está na origem da formação das aldeias e cidades. Alguns homens passavam o dia a caçar e a preparar a carne dos animais para a consumirem à noite, no barbecue, enquanto bebiam cerveja.
Este foi o inicio daquilo que é hoje conhecido como movimento Conservador.
Outros homens, mais fracos e menos dotados para a caça, aprenderam a viver à custa dos conservadores aparecendo à noitinha, agachando-se perto do barbecue e oferecendo serviços de costura, de fretes e de barbeiro. Este foi o inicio do movimento Socialista. Alguns destes homens Socialistas desenvolveram um gosto efeminado e tornaram-se conhecidos por "maricas". Entre outros desenvolvimentos dos Socialistas que merecem menção encontram-se a domesticação dos gatos, a invenção da terapia de grupo, os abraços em grupo e em publico e o conceito de Democracia, para decidir através do voto como deveria ser dividida a carne e a cerveja que os Conservadores providenciavam.
Com o passar dos anos os Conservadores passaram a ter como símbolo o maior e mais poderoso de todos os animais: o elefante.
Os Socialistas ficaram simbolizados pela pega-rabuda, por razões obvias. Os Socialistas modernos gostam de cerveja misturada com Seven-Up, vinho branco adamado e água francesa engarrafada. Comem peixe quase cru mas preferem a carne bem passada. Suchi, tofu e comida francesa constituem a imagem de marca destes Socialistas.
Outros aspectos interessantes: a maioria das mulheres dos Socialistas possuem níveis mais elevados de testosterona que os seus maridos e quase todos os trabalhadores sociais, gays, artistas, jornalistas e poetas são Socialistas.
À medida que o seu número aumentava os Socialistas inventaram os impostos progressivos para que cada vez um numero maior de Socialistas pudesse viver à custa de um numero menor de Conservadores.
Os Conservadores preferem cerveja nacional, sobretudo SuperBock ou Cristal. Comem carne mal passada e providenciam a alimentação das suas mulheres e filhos. Os Conservadores são bons caçadores, toureiros, operários de construção, bombeiros, médicos, polícias, engenheiros, administradores, atletas, militares, pilotos e, em geral, distinguem-se em todos os ofícios produtivos.
Os Conservadores que administram as suas próprias empresas apreciam contratar outros Conservadores que fazem do trabalho a sua forma de vida. Os Socialistas produzem pouco ou nada. Mas gostam de governar os produtores Conservadores e decidir para quem eles devem produzir.
Os Socialistas acreditam que os Europeus são mais desenvolvidos que os Americanos. Esta é a razão pela qual a maioria dos Socialistas permaneceu na Europa enquanto os Conservadores viajaram para a América. Os Socialistas só acabaram por aparecer na América depois de o Far-West estar completamente seguro e estabeleceram-se com negócios da treta, a tentar iludir os incautos.

E por hoje chega de história da humanidade.

Deve realçar-se que, ao ler isto, qualquer Socialista pode ter um sentimento momentâneo de fúria, enquanto que um Conservador simplesmente dará uma boa gargalhada, convencido da absoluta verdade desta história.

Cá por mim vou pedir outra cerveja !!

(Piolho da Solum)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Anarca

avatar

Mensagens : 13405
Data de inscrição : 02/06/2009

MensagemAssunto: Re: MOMENTO DE CULTURA...   Sab Fev 04, 2012 4:58 pm

Os dedos da mão:

Mínimo - Mindinho (de origem controversa) ou minguinho ( de mingo, variação de mínimo + inho). Também é chamado dedo auricular, de aurícula, orelha, um dos destinos desse dedo para gente pouco asseada, que também lhe dão o nome de dedo nasal.

Anular ou Anelar - do latim anulus ou anellus, diminutivo de anus, anel; é onde se usa o anel, aliança, porque os antigos acreditavam que daí saía uma veia directamente para o coração; popularmente chamado de seu-vizinho, por adjacência e rima com mindinho.

Médio - ficou com esse nome não pelo tamanho e sim pela localização no meio dos cinco dedos, dois de um lado, dois do outro; pai-de-todos, maior-de-todos - nestes casos sim, o nome veio do tamanho, o que justifica o seu uso nos insultos, quando se sugere ao destinatário uma aplicação vulgar e nada higiénica do dedo médio.

Indicador - Fura-bolo. Após essa missão, o dedo é levado à boca, com muito cuidado para no caminho não ser tocado pelo auricular.

Polegar - do latim pollicare, do tamanho de um polegar, derivado de pollex, polegar, que veio de polleo, sou forte; mata-piolho, cata-piolho; o piolho é eliminado da cabeça alheia com a pressão das unhas dos poegares e boa vista. Em espanhol, polegar é pulgar, o que já induziu em erro falsas etomilogias de que seu nome viria de pulga.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: MOMENTO DE CULTURA...   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
MOMENTO DE CULTURA...
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 9 de 10Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9, 10  Seguinte
 Tópicos similares
-
» .Momento de reflexão .....Veja a hierarquia Jorge Couri no Brás
» Saudação com a Santa Paz de Deus ou santa paz do Senhor - quando e em que momento devemos negar??
» (Tiago 4:7) Se levante nesse momento e declare sua vida abençoada, cheia do poder de Deus
» ORE DEUS QUER TE OUVIR!!!
» NO MOMENTO, NO TCM!! Os Pioneiros 4 TEMPORADA! COMENTE AQUI

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
A LIBERDADE É AMORAL :: E O VERBO SE FEZ PALAVRA...-
Ir para: